Além dos danos, havia grande risco de ficar parada na via. Fotos: Mônica de Mello da Silva

Segundo uma leitora do Ibiá, aproximadamente 18 veículos sofreram danos, especialmente nos pneus, na noite desta quarta-feira, dia 24, devido a buracos no quilômetro 428 da BR-386, trecho de Nova Santa Rita. Mônica de Mello da Silva, de 28 anos, enviou mensagens ao WhatsApp da redação do Ibiá (9-9644-1676) informando que havia ficado parada na margens da pista sentido Capital/ interior, acompanhada de duas crianças pequenas.

PRF acredita que foram menos de 18 carros

O fato ocorreu em torno das 19h30min, quando a própria montenegrina precisou ficar sinalizando no escuro, enquanto caminhões passavam em alta velocidade e muito perto de seu carro. Segundo ela, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) teria informado que não tinha equipamento para realizar a sinalização. A corporação afirma que isso pode de fato ter ocorrido, mas somente no primeiro momento. “Logo que as equipes chegaram aos locais foi feita a sinalização”, respondeu, através de sua assessoria de imprensa.

Mônica demonstra a profundida da “cratera”

Ao seu lado, em um trecho com menos de 200 metros, estavam ao menos cinco carros, sendo quatro deles com dois pneus estourados. O buraco teria cerca de um palmo de fundura. “Pagamos tantos impostos e não temos o direito de boas estradas. E não só o fato dos pneus…, podia ter dado acidentes maiores”, protesta Mônica. Há pouco outro leitor informou pelo Facebook do Ibiá que foram colocados cones de sinalização no ponto. Já a PRF afirma que os buracos foram tapados.

Na manhã desta quinta-feira, dia 25, os relatos de vários automóveis danificados foi no acesso à Paverama. Lembrando que a administração da BR-386 foi concedida à iniciativa privada. Contudo a empresa assumirá os trabalhos somente em 2020, quando começará a ser cobrado pedágio em Montenegro.

Deixe seu comentário