O Boletim Epidemiológico mais recente da secretaria estadual de Saúde, divulgado nessa semana, mostra que são nove os casos de surtos de coronavírus em investigação em Montenegro. O Município fica atrás, apenas, de Santa Rosa, com dez surtos; Porto Alegre, com 19 surtos; e Caxias do Sul, com 23 surtos, no ranking dos municípios com mais registros de situações do tipo no Estado.

É considerado surto quando, dentro de uma mesma instituição ou empresa, há, pelo menos, dois casos sintomáticos confirmados para a Covid-19 numa diferença de até sete dias do aparecimento dos sintomas entre um e outro. Dentro dos nove surtos em Montenegro, indica o boletim, 289 pessoas foram contaminadas a já ocorreu um óbito.

A situação não é de hoje. Os boletins epidemiológicos da Saúde são divulgados semanalmente, mas, somente uma vez a cada quinze dias que trazem dados detalhados. Nem o dessa semana, nem o da semana anterior apresentam esse detalhamento, mas o do início da segunda quinzena de dezembro dava mais informações sobre os surtos ativos em Montenegro. Na época, já eram oito os investigados.

Dois dos surtos registrados indicavam ser em indústrias do ramo de alimentação. Num deles, com a exposição de 2.256 pessoas e, na ocasião, 97 contaminados e um óbito, mostrando se tratar do frigorífico da JBS. O segundo surto da categoria havia envolvido 232 pessoas e contaminado 20. Os outros seis, segundo o boletim, também envolviam empresas, mas não da área da alimentação: respectivamente, com 395, 222, 295, 520, 384 e 988 expostos; e 5, 28, 6, 8, 4 e 49 casos confirmados.

A reportagem não pôde confirmar, sem a divulgação dos detalhamentos, em que categoria se encontra o nono surto ativo. Mas os demais seguem na relação, visto que um surto só é dado como encerrado pela pasta quando não há registro de novos casos de pessoas com sintoma de síndrome gripal por quinze dias dentro da empresa ou instituição. Ao todo, no Rio Grande do Sul, hoje, 82.401 pessoas estão ou ficaram expostas em surtos considerados ativos. Já houve situações em que um surto foi dado por encerrado e, após um período, voltaram a aparecer doentes.

Região Vale do Caí + Triunfo acumula 9.865 casos neste sábado

Na região de cobertura do Jornal Ibiá, o acumulado, desde o início da pandemia, é de 9.865 casos do novo coronavírus até as 18h deste sábado, 2 de janeiro. Desses, 8.357 estão recuperados, mas há 144 mortes. São 1.364 casos ativos de acordo com os boletins de cada prefeitura da região. Com o final de semana estendido, apenas Triunfo atualizou seus números nesse sábado, contabilizando dez novos casos desde ontem. Veja a tabela:

Município Total de casos Recuperados Óbitos Ativos
Montenegro 2720 1853 35 832
Triunfo 963 888 24 51
Bom Princípio 621 603 8 10
Portão 1316 1098 27 191
São Sebastião do Caí 1254 1050 18 186
Feliz 680 665 6 9
Brochier 94 89 0 5
Harmonia 224 204 4 16
Tupandi 196 193 2 1
São Pedro da Serra 93 92 0 1
Maratá 71 66 0 5
São Vendelino 109 104 2 3
Barão 206 199 3 4
São José do Hortêncio 201 185 6 10
Salvador do Sul 186 180 2 4
Pareci Novo 235 218 1 16
Vale Real 205 202 1 2
Capela de Santana 283 268 2 13
Alto Feliz 75 75 0 0
Linha Nova 65 62 1 2
São José do Sul 68 63 2 3
Total Vale do Caí e Triunfo 9865 8357 144 1364

 

A nível estadual, o Rio Grande do Sul chegou a 8.934 mortes e 452.920 casos confirmados de coronavírus conforme atualização feita nessa manhã. Foram contabilizadas 17 novas mortes, ocorridas entre 19 de dezembro e 2 de janeiro. Também foram incluídos 1.024 novos casos da doença em território gaúcho. Do total, 430.061 (95%) estão recuperados e 13.874 (3%) seguem em acompanhamento.

Deixe seu comentário