Foto: arquivo Jornal Ibiá

Montenegro baixou nesta segunda-feira, dia 27, a idade para primeira dose de vacina contra Covid-19, e imuniza a partir dos 15 anos sem comorbidades. A população é atendida nos postos dos bairros Industrial e Santo Antônio, até ás 16 horas. Nos mesmos locais também são vacinados adolescentes com comorbidades e gestantes menores de idade.

Os idosos a partir de 70 anos e imunossuprimidos têm reforço com terceira dose na Vigilância Sanitária, porém com agendamento pelo 36-32-01-38. O prazo entre reforço e a segunda dose do esquema vacinal é de seis meses para idosos, e  de 28 dias para pessoas imunossuprimidas.

Prazo da Pfizer caiu em quatro semanas
Também segue a complementação vacinal com segunda dose dos três imunizantes: Butantan/CoronaVac; Fiocruz/Oxford; e Pfizer. A aplicação é realizada até 15 horas no posto do Germano Henke; em seguida passa para o posto do Centro, onde vai até as 21 horas. Os intervalos entre doses são de 28 dias para a Butantan e 12 semanas para a Fiocruz. Já o prazo para a Pfizer reduziu, passando agora para oito semanas de intervalo em relação a primeira aplicação.

Vacinação avança no estado
Mais de 33 mil gaúchos já receberam as doses de reforço dos idosos acima de 70 anos (seis meses após a segunda ou única dose) e dose adicional às pessoas imunodeprimidas (28 dias após a segunda ou única dose). Os dados foram elaborados a partir das atualizações mais recentes disponíveis no Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações. No grupo adolescentes de 12 a 17 anos, quase 170 mil já receberam a primeira dose de Pfizer – a única até o momento liberada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para menores de idade e gestantes.

 

Deixe seu comentário