Cresci nas imediações do campo de futebol do Grémio Esportivo Municipal. Ali na esquina do campo, onde hoje é um posto de Gasolina, era a casa do Seu Vaceli. Pai do ex-prefeito Percival. Na frente existia, o que poderíamos chamar hoje, de “complexo comercial”. Eram quatro botecos e armazéns, um ao lado do outro. Contei sobre isso em um texto certa feita, aqui mesmo no jornal Ibiá.

O Zabrão, o Bar do 7, o buteco e Açougue do meu Avô, onde era o antigo Mercado Padre Réus, e mais abaixo, onde hoje é uma empresa de segurança, o Buteco e cancha de Bocha do Seu Olmiro.

“Zabrão” armazém mais completo de todos, pois tinha quase tudo que era necessário. Ao lado, o Bar do 7 que levava este nome pois era o apelido do proprietário. Ao lado deste, o Bar e Açougue Deus te Ajude. Este era o nome do Bar do meu Avô, Seu João Ramos. Todos tinham público, todos ficaram por muitos anos atendendo a clientela do morro e das imediações.

Vô João era analfabeto. Apenas sabia desenhar seu nome. Mas gerenciava seu negócio com muita competência. Criou 12 filhos, atendendo os clientes no seu Bar e açougue por muitos anos. E num local com a concorrência colada a sua parede. Veja bem, o nome do negócio não era Deus ME ajude. Era Deus TE ajude. Certa feita perguntaram a ele, porque do nome. Respondeu do alto da sabedoria analfabeta: “Desejo o melhor para os meus clientes. Quero coisas boas para eles. Desejo ajudá-los. Eles estando bem, eu estarei bem.” Sábio seu João Ramos.

Mais ou menos isso é o que responde o prefeito Zanatta quando perguntado por que está na Política. Porque deixou o conforto da sua clínica de fisioterapia para enfrentar um caminhão de problemas diários. “Quero ajudar as pessoas”, é sua resposta. Isso é o que inspira seus assessores mais diretos.

Uma prefeitura bem administrada e com gestão profissional encurta o caminho para que este desejo do prefeito se concretize. Uma equipe comprometida com este ideal torna este sonho possível.
Facilitar os processos para quem empreende. Diminuir a burocracia que dificulta investimento. Agilizar para quem compra um imóvel, providenciar as licenças necessárias rapidamente, são objetivos que perseguiremos incansavelmente.

Resolver os problemas na rede de esgoto, consertar o calçamento, melhorar as estradas do interior e dezenas de outros pedidos, chegam diariamente ao gabinete do Prefeito. E por ordem dele e do vice Cristiano, todos são respondidos e quando não podem ser atendidos com a rapidez que o morador precisa, são programados e informado ao interessado.

Eu mesmo já liguei para moradores dando uma resposta à demanda solicitada. A falta de água no interior, o conserto da calçada com erosão devido a rede de esgoto, é exemplo. Chamamos isso de respeito às pessoas. A obra da rua Porto Belo é outro caso. Um problema grave de saneamento básico, reclamado há vários anos pelos moradores está sendo resolvido. Além de ser eficiente no atendimento das demandas represadas da cidade, ouvir e dialogar com todos que chegam ao gabinete têm sido uma marca do atual governo. O caminho é árduo e cheio de obstáculos. Inimigos externos e internos levantam-se diariamente. Mas o desejo de ajudar é maior que as dificuldades. Meu avô pedia ajuda a Deus, a administração põe em prática quando resolve um problema do Cidadão.

Compartilhar

Deixe seu comentário