Tenho mulher, filha, noras, amigas e colegas. Trabalho com mulheres de igual para igual.Respeito elas, admiro elas. Sei a importância delas em nossa sociedade, em nossas vidas. A beleza da mulher está em sua determinação, no seu jeito feminino de ser. São companheiras, mães, enfim, guerreiras… Sei que elas, assim como nós, cidadãos de bem, querem um país melhor, com respeito, famílias bem estruturadas. Quando falo em família, incluo também as novas formas de famílias. Merecemos e queremos mudanças, resgates importantes na sociedade, como a honestidade, a honra, a educação, a liberdade de andar por lugares seguros e, acima de tudo, uma pátria amada. Fazer com que o verde e o amarelo nos tragam orgulho.
Somos uma grande nação, rica em recursos naturais e energéticos, até invejados por outras nações. Chega do que aí está, chega da velha política e dos velhos políticos, lobos fantasiados de ovelhas neste tempo eleitoral.Temos um cérebro, temos memórias, temos dignidade e, acima de tudo, temos o direito de votar. Então, vamos mudar os rumos deste país, votar na honra, na família, na segurança, na honestidade, na direita, porque a esquerda só nos sacrificou, nos iludiu, faliu as nossas instituições mais importantes. Além de que a liberdade de expressão esquerdista trouxe a falta de vergonha, de dignidade e de um mínimo sequer de respeito por nós. Temos uma escolha diferente de todas as outras que são iguais, farinhas do mesmo saco. Alguém que pode, sim, ser um salvador da pátria.
Quero a verdadeira arte, andar por este país sem medo, ver pessoas honestas governando e legislando para o povo e não para eles. Liberdade, para eles, são bandidos e corruptos soltos, é cidadão de bem preso e a mercê da violência. Queremos ver o resgate da dignidade de todos nós brasileiros.
Não importa seu sexo, seu gênero, sua cor ou sua prática religiosa. O que importa é que somos todos brasileiros e queremos uma grande nação, um lugar melhor para nós e para os futuros brasileiros. Assim, salve, salve a pátria amada, Brasil!!!!

Compartilhar

Deixe seu comentário