Regina Maria Teixeira Simões
Sociedade Espírita Missionários da Luz

A verdade surge, sem procurarmos; as respostas vêm, sem indagarmos. Como? Através do estudo da Doutrina Espírita. “Amai-vos, eis o primeiro ensinamento; instruí-vos, eis o segundo.”(Evangelho segundo o Espiritismo –Cap.VI– Espírito de Verdade, 1860). É no estudo que aprendemos a pensar com a fé e a razão.Os pensamentos e troca de ideias, baseados na fé raciocinada, indicarão o percurso que nos conduz a Deus; portanto, em nós, brota com o aprendizado, respostas que nos levam a nos aproximarmos de nosso Pai maior.

Nesta aproximação, a serenidade! A fé e o entendimento da razão de estarmos aqui na Terra. De encontrarmos dores e sofrimentos: bênçãos a fim de nos tornarmos melhores. A dor purifica, nos faz repensar nosso modo de viver; de nos depararmos com sonhos concretizados e vivermos com alegria: bênçãos que nos ensinam a agradecer, a orar, a confiar.

Por que estar aqui? Para amar, sofrer e caminhar em busca do bem que envolve todo o nosso ser, desde pensamentos, atos e forma com que nos expressamos. O cuidado com os irmãos que nos rodeiam! A compreensão e aceitação da maneira de serem, de agirem. Não somos iguais uns aos outros, cada um é fruto das suas vivências, por isso,cabe a nós compreender, aceitar e perdoar.

Através do estudo da Doutrina Espírita, assimilamos os ensinamentos de Jesus; nos compreendemos espíritos e esses, eternos; entendemos o corpo físico como um empréstimo finito e que, um dia, partiremos à verdadeira morada na Espiritualidade.
Eis que nos vimos neste momento envoltos por uma pandemia! É em situações assim, que recorremos à prece. Mais forte ressoará, se todos nos voltarmos a Deus, compreendendo Seus desígnios. Não será este momento, um chamado para a fé e a confiança em Deus? Para que nosso coração se abra à verdadeira caridade? Para que nos enxerguemos como verdadeiros irmãos? Não serão essas, a razão maior? Nada é por acaso…

Se nossa fé for maior que a dor desta pandemia, estaremos com Deus, com Jesus ao nosso lado e a prece amenizará angústias e medos. Onde está a verdadeira vida? Em nosso espírito! É ele, o sobrevivente!

Sigamos com serenidade e com a certeza de, através da prece, nos conectarmos com a luz emanada da Espiritualidade que gerará em nós, a paz e a lucidez necessárias para contribuirmos, unidos, na superação desta pandemia. Cumpramos as determinações de precaução que as autoridades da saúde nos orientam e confiemos! Estaremos unidos no amor de Deus e de mãos dadas com Jesus! Não há o que temer!

Deixe seu comentário