Roubar, furtar, cobiçar, despojar, raptar, tirar com violência, saquear, trapacear, plagiar, praticar adulteração e falsificar são sinônimos ou formas diferentes de executar a mesma coisa, ou seja, tirar o direito de posse e liberdade de outra pessoa. O 9º mandamento exatamente fala da questão da propriedade. As propriedades são bens, os direitos de possuí-los, são a base de vida de uma pessoa ou de um grupo de pessoas.
Nos templos bíblicos a propriedade mais importante era a terra. Nela se edificava a casa, plantava e criavam-se animais, bem como se exerciam outras profissões para a subsistência familiar. Quem perdia a sua terra, perdia a possibilidade de uma vida livre. Ainda hoje a terra continua sendo a base de vida das pessoas que dependem da agricultura para tirar o seu sustento. Devemos considerar a agricultura tão importante como outros tipos de profissão. A agricultura é que garante a comida em nossa mesa. Devemos honrar nossos agricultores assim como os demais profissionais.
De acordo com o 9º Mandamento, o termo “cobiçar” aponta para o desejo ou ação de roubar. O verbo “cobiçar” aqui não significa apenas desejar algo que pertence a uma outra pessoa, mas usar um artifício para ter o direito de posse e, finalmente, a ação de tomar posse.
Encontramos na Bíblia a história de um homem que desejou algo que não pertencia a ele. É a história do Rei Acabe, que encontramos em 1Reis 21.1-29. (Sugiro a leitura). O Mandamento em destaque nos ensina que não devemos invejar nosso próximo, nem desejar possuir especificamente os seus bens. Isso não quer dizer que não possamos progredir! Podemos ter o desejo de progredir em nossa vida, mas, para isso, devemos usar meio aprovados e abençoados por Deus como o trabalho, o estudo, os presentes e a herança. Ter inveja dos outros e desejar possuir aquilo que eles conquistaram ou herdaram, ou seja, aquilo que não me pertence e não posso ter, isso é contra a vontade de Deus!
Deus quer que vivamos contentes e felizes com aquilo que Ele nos dá e que saibamos administrar os nossos bens a fim de prosperar com honestidade e dignidade. Se por acaso herdarmos algum bem de família, devemos honrá-los, preservá-los e administrá-los com seriedade e competência, pois bens são dádivas e não devem ser tratados ou usados de qualquer jeito, tampouco, colocados em risco.
P. Marcio S. da Costa – Paróquia Evangélica de Montenegro – IECLB
Avisos da semana:
– 20.09, 8h – Culto Gauchesco – quem puder venha pilchado, meio dia almoço comunitário típico Gaúcho (solicitamos que tragam sua bebida e carne(a carne vai ser assada na hora).
– Sábado, dia 21.09, das 9h-9h45, aulas de violino, das 9h45-10h30, aulas de violão, das 10h30- 11h40, ensaio do Coral infantil, 19h, Encontro de Casais Luteranos, no Ponto de Pregação do Bairro Santo Antônio.
– Domingo, 22.09, 9h, Culto com oração pelas famílias enlutadas.
– Terça, 24.09, 19h-21h Curso Trilha 8-reencontro.
– Quinta, 26.09, 18h30-20h, Ensino Confirmatório do 2º ano, 19h30-ensaio do Coral Adulto, 19h –reunião do Conselho do CSP.
-Convite: As Senhoras da OASE de Montenegro, convidam para o seu tradicional “Chá Buffet”, próxima terça feira, 24.09 – será servido das 15h às 18h. Cartões ao preço de R$ 25,00-Local: Centro Social Martin Luther-Rua Fernando Ferrari esquina com Capitão Cruz.-VENHA PARTICIPAR!
-Comunicamos que de 23 até 27 de setembro não haverá expediente na secretaria – plantão para emergência pelo contato-9 9666-8528.

Deixe seu comentário