Foto: Arquivo Pessoal

Buscar o reconhecimento da beleza, da simpatia e do perfil social são alguns dos objetivos de boa parte dos jovens que participam de concursos de Mister. São diversos os campeonatos de beleza no Estado e no Brasil. Jovens vão em busca de faixas e coroas, representando suas cidades.

Paulo está participando das preparações dos candidatos que disputam cerca de 30 vagas para a seleção final . Foto: Arquivo Pessoal

Pouca gente sabe, mas nos principais concursos de belezas do Brasil não é somente a beleza que conta. Há vários quesitos que são avaliados durante a preparação e nas seletivas destes concursos. Capacidade de comunicação e projetos sociais também contam bastante para isso.

Na região, concursos são realizados para eleger as representantes das cidades e também das grandes festas promovidas pelos municípios. Montenegro já teve uma mulher que foi coroada Miss Rio Grande do Sul, em 1964. Rosa Maria Gallas desbancou outras 19 candidatas e foi eleita a mulher mais bonita naquele ano.

Foto: Arquivo Pessoal

Em 2018, a cidade terá novamente um representante no Mister Rio Grande do Sul CNB. Paulo César da Silva, 27 anos, representa Montenegro na seletiva Estadual, que elege o homem que participará do maior e mais tradicional concurso nacional de beleza masculina do País, o Mister Brasil.

Mister Montenegro quer chegar ao concurso nacional

O montenegrino Paulo César da Silva cresceu no bairro São João. Estudou na Escola Januário Corrêa e concluiu os estudos no Colégio Científico. Mecânico e massagista, Paulo diz que teve uma infância feliz e aproveitou com muita liberdade. “Era uma infância simples e eu não gostava muito de estudar”, relembra.

Hoje, o jovem atua com o pai e o irmão em uma oficina da família, instalada nas margens da RSC-287. Além disso, o candidato a Mister RS também concluiu um curso de massoterapia e agora pretende se dedicar nas duas profissões que tanto gosta.

A participação em concursos de beleza começou em 2014, quando ocorreu a criação da conta no Facebook e a postagem da primeira foto. “Eu tinha vergonha e receio de procurar uma agência. Quando coloquei a minha primeira foto veio o convite para um teste em uma agência”, relembra o jovem.
Modelo RS foi o primeiro concurso que Paulo participou, em 2014, quando recebeu a sua primeira faixa. No mesmo ano, também ficou entre os finalistas do título Mais Belo Gaúcho. No ano de 2015, o modelo esteve entre os finalistas do Mister Universo, que ocorreu em Canoas.

Uma das maiores conquistas do montenegrino Paulo César veio em 2016, quando foi eleito Mister Montenegro, durante uma seletiva regional. A partir de então, o jovem foi em busca da faixa de homem mais bonito do Estado. Não conquistou o título, mas ficou entre os finalistas no Mister RS.

Agora, em 2018, o representante de Montenegro foi convidado novamente para representar a cidade na competição estadual. “Um dos motivos por eu aceitar o convite é que ele foi feito pelo coordenador Neto Martins, que acabou falecendo em março. Foi ele quem me chamou e continuei como forma de homenagear ele”, comenta Paulo.

Conforme o candidato, não é somente beleza, é um conjunto que o homem deve ter. O perfil para ser um Mister é composto de corpo definido, ser alguém responsável, ter bom comportamento e boa relação em grupo, bem como realizar uma ação social na cidade que representa.

Um dos maiores focos de Paulo César está sendo com o corpo, mas a timidez ainda é o que o concorrente mais tenta driblar. “Preciso facilitar a aproximidade com as pessoas, mesmo assim fui elogiado na preparação por minha oratória e pelo corpo”, diz.

Entre os principais cuidados, o candidato destaca a prática de atividades física e a alimentação mais saudável e regrada. “Vou à academia todos os dias e malho durante 1h30min. Eu mesmo cuido da minha alimentação. Já fui em nutricionista, mas agora eu decidi cuidar sozinho”, afirma.

Desde que entrou para o mundo das passarelas e em agências, Paulo foi convidado para ser jurado em diversos concursos da região. O jovem também destaca que há muita falsidade neste meio. No entanto, ele conseguiu seguir por um caminho mais tranquilo com a ajuda do então coordenador, Neto Martins.

Com o apoio da família e de parceiras com empresas da cidade, Paulo César foca nas próximas fases do Mister RS, que inclusive tem a semi-final da última seletiva no dia 23 de setembro, em Canoas. Em torno de 70 homens disputam as cerca de 30 vagas para escolha final, programada para dezembro. “Quero mostrar que um Mister não é apenas beleza, mas todo um conjunto que forma um grande homem. Pretendo levar o nome de Montenegro até o Mister Brasil”, destaca.

Destaques do candidato

Paulo César da Silva, 27 anos, tem 1,84m de altura e 86kg. O montenegrino, se passar para a próxima fase do Mister RS, deverá elaborar e aplicar uma ação social. É provável que o projeto seja em uma escola da cidade, com aulas de Boxe. “Treinei a modalidade por muito tempo e era um sonho ser lutador. Agora pretendo ensinar um pouco aos jovens que desejam praticar algum tipo de esporte”, diz.

Deixe seu comentário