Em novembro, Lucimara Vargas de Ávila descobrirá se aí vem a Alice ou o Bento, em seu Chá de Revelação. “Mas se o baby não quiser aparecer, aí vamos adiar”, destaca

Descobrir o sexo do bebê nunca foi tão divertido como nos dias de hoje. Os Chás de Revelação, cada vez mais tradicionais, apontam, de maneira criativa, entre o rosa e azul aos papais e mamães.

E a dúvida tem fim ao partir um bolo que revela seu recheio lilás ou com uma caixa surpresa com itens em azul. Ideias não faltam. A montenegrina Lucimara Vargas de Ávila, 32 anos, descobrirá no dia 10 de novembro, em seu Chá de Revelação, se terá um menino ou menina.

“Vou fazer a ecografia e uma das madrinhas buscará o resultado. Elas serão responsáveis por preparar tudo; a festa, decoração… O resultado será revelado quando eu cortar o bolo, que por dentro terá rosa ou azul. Alguns docinhos terão recheios da mesma cor do bolo”, destaca.

Cunhada de Lucimara, Adriana Schonell é a responsável por pegar o ultrassom e guardar o segredo a sete chaves até o dia 10 de novembro. Foto: Arquivo pessoal

Optando por algo mais simples, apenas para a família e padrinhos da criança, Lucimara considera o anúncio do sexo do bebê como algo mais íntimo. “E vamos deixar para comemorar a chegada do baby com os amigos no Chá de Fralda”, conclui.

Uma das responsáveis por organizar o evento, a cunhada Adriana Schonell, 22 anos, destaca que o motivo de realizá-lo é justamente pela brincadeira. “A expectativa de reunir aqueles que mais amamos em um momento tão especial como esse. E o anjinho que está a caminho, independentemente do sexo, já é muito amado. E o mais importante, com certeza, é que venha com toda saúde do mundo”, diz.

A internet como aliada para se inspirar na organização
A internet é realmente um campo muito fértil. E para quem sabe desfrutar de seus benefícios, ela atua como aliada na hora de buscar sugestões. E são diversas as ideias para Chás de Bebê e de Revelação disponíveis através de sites, blogs e YouTube.

Adriana conta que já começou as pesquisas online com referências de coração e de como revelar. “Eu sempre gostei desses eventos onde se pode usar a criatividade, inspirar-se e criar algo divertido, bonito, que toque as pessoas de alguma forma. E com a iniciativa do chá foi assim. Eu e minha cunhada Lucimara começamos a conversar em como ia ser legal reunir a família e os amigos mais íntimos pra revelar ali, em uma surpresa, se iria vir uma menina ou um menino”, pontua.

Até o dia, de acordo com ela, nenhum dos pais poderá saber. “Combinamos que quem retira o exame será eu, e, juntamente com a outra dinda, organizaremos tudo: docinhos, balões, brincadeiras. E em tons de rosa e azul, guardando o melhor para o bolo de chocolate por fora com a cor rosa ou azul por dentro! Então quando eles cortarem na frente dos convidados, todos descobrirão juntos se virá o Bento ou a Alice”, conclui.

Dicas para realizar seu chá de revelação

-Escolha alguém de confiança para guardar a informação: é muito importante para o sucesso do evento que o segredo seja guardado a sete chaves. Pode ser a madrinha, o padrinho ou alguém da família.
É possível entregar seu ultrassom, exame onde o sexo do bebê pode ser identificado após a 16ª semana de gestação. Também é importante combinar com seu obstetra para que ele não dê nenhuma dica durante a consulta.

-Escolha uma forma criativa de revelar: Assim como Adriana, você pode revelar através das cores do recheio do bolo. Outra maneira criativa é prender balões com gás hélio dentro de uma caixa. Lembre-se de que eles devem ser na cor do sexo a ser revelado. Assim, ao abri-la, os balões se desprenderão com uma ótima surpresa aos papais e à família.
E que tal uma pinhata suspensa? Você bate nela até que se rompa, e então revelam os doces na cor escolhida.

Deixe seu comentário