Um ano extremamente atípico, assim foi 2020. Pessoas passaram mais tempo em casa, o trânsito teve menos veículos nas ruas, os bares e locais de festa estiveram mais tempo fechados. Contudo, a violência não deu trégua para a população que teve de enfrentar o drama da pandemia do novo coronavírus e uma sociedade cheia de problemas. Milhares de vidas foram perdidas em razão da Covid-19, mas os números de mortes provocadas por desavenças, brigas familiares e acidentes também marcaram 2020. Na região, diversas famílias amargaram o gosto da perda.

Janeiro
Dia 6 – Sogro e genro perderam a vida em acidente na Vendinha. O condutor, de 59 anos, perdeu o controle do Renault Captur, que foi arrastado por cerca de 100 metros até o ponto onde caiu. O carro bateu em uma placa de ponto de embarque de ônibus e também em árvores na lateral da pista. A identidade das vítimas não foi informada pela PRF.

Foto: Arquivo Jornal Ibiá

Dia 13 – O primeiro caso de afogamento com vítima fatal registrado em 2020 na região ocorreu nas águas do Rio Caí, em Capela de Santana, no dia 13. Marco Aurélio Gomes da Silva, de 32 anos, perdeu a vida ao evitar que seus enteados acabassem se afogando. Mesmo sem saber nadar, Marco se jogou nas águas do rio para evitar o afogamento de seu enteado.

Dia 15 – Um homem de 46 anos, morador de Gravataí, e outro de 53 que residia em Porto Alegre, morreram em um acidente no quilômetro 405 da BR-386, em Triunfo. Os nomes não foram revelados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), que atendeu a ocorrência. Ambas as vítimas ocupavam um Renault Sandero com placas de Belo Horizonte.

Dia 18 – Homem foi preso por descumprir medida protetiva e agredir três mulheres. Uma das vítimas disse à polícia que o indivíduo lhe agrediu com socos e a arrastou puxando-a pelos cabelos. A mãe da vítima também foi agredida. Após, a mãe do preso tentou intervir e acabou machucada no braço.

Dia 26 – O restaurante Drikah Gourmet, localizado na rua Osvaldo Aranha, foi devastado por um incêndio. Não houve feridos.

Dia 28 – Ricardo Oliveira de Souza, de 25 anos, foi assassinado com vários disparos de arma de fogo. O crime ocorreu no loteamento Minha Morada, em Capela de Santana.

Dia 28 – Viodeomonitoramento lançado oficialmente em Montenegro. O sistema composto por equipamentos e software de última geração permite a identificação facial através de um banco de dados. Com isso, Montenegro tornou-se pioneira nesta ação no Rio Grande do Sul.

Fevereiro
Dia 5 – Casa teve perda total em incêndio durante a madrugada, na esquina entre as ruas São João e Otelo Rosa, no bairro Ferroviário, em Montenegro. Uma moradora da rua São João informou que o local estava invadido por homens desconhecidos que viviam em condições precárias, sem energia ou água.

Dia 6 – Um incêndio de grandes proporções, na localidade de Barreto, interior de Triunfo, atingiu três residências, que foram completamente consumidas pelas chamas.

Dia 9 – O comerciante João Batista Botelho foi alvejado com sete disparos de revólver calibre 22, dentro do Bar da Jaque, na Vila do Peninha, divisa entre Triunfo e Montenegro. Dois indivíduos bateram em uma janela pedindo para comprar cigarro, e quando Botelho se aproximou foi atacado.

Dia 10 – Jean Lucas Martins, 28 anos morreu, em decorrência de ferimentos sofridos na colisão frontal entre sua motocicleta e um Chevrolet Vectra, ocorrido na tarde do dia 9, na ERS-124, divisa entre São Sebastião do Caí e Pareci Novo.

Dia 13 – Pai e filho foram encontrados mortos no bairro São Paulo, em Montenegro. A trágica morte do menino Marcelo David da Rosa de Campos, de apenas 7 anos, gerou comoção no Estado. A Polícia tratou o caso como homicídio seguido de suicídio. O pai, Márcio David Souza de Campos tinha 38 anos e estava separado da mãe do menino.

Foto: Facebook

Dia 23 – Dois homens foram mortos em confronto com a Brigada Militar de Montenegro. A perseguição iniciou próximo às lojas Taqi, na RSC-287, e o veículo adentrou a ERS-124. No local conhecido como trevo da Masisa, eles perderam o controle e bateram o carro contra o barranco. Os tripulantes entraram em fuga após assaltar um mercado em Brochier.

Dia 29 – Juarez Rocha Neto, de 26 anos, e Eduardo Fernandes Bundchen, de 21 anos, morreram em um acidente de trânsito no quilômetro um da RSC-287. Juarez se deslocava de bicicleta quando foi atingido por um caminhão no acostamento da rodovia após este ter sido atingido pela Saveiro.

Março
Dia 5 – A Polícia Rodoviária Federal apreendeu 410 maços de cigarro em um veículo abordado na BR-386, em Montenegro. Os itens estavam dentro de um VW Golf, com placas de Porto Alegre, e, segundo as autoridades, estavam sendo comercializados ilegalmente pelo motorista em estabelecimentos da região. A mercadoria foi encaminhada para a Receita Federal.

Dia 7 – José Carlos Diemer, de 48 anos, faleceu após sofrer acidente de motocicleta. O fato ocorreu na localidade de Linha Pinheiro Machado, em Brochier. A vítima teria se desequilibrado o que provocou sua queda do veículo.

Dia 17 – A Secretaria de Administração Penitenciária e a Superintendência dos Serviços Penitenciários emitiram uma Nota Técnica suspendendo visitas presenciais nas penitenciárias do Estado. O objetivo foi prevenir a contaminação pelo coronavírus.

Dia 21 – André Fagundes, 41 anos, morreu no Hospital Montenegro, após ser baleado na noite do dia 20. O crime ocorreu na localidade de Vila Tieta, em Triunfo. Alemão – como era conhecido – estava em casa quando dois indivíduos desceram de um veículo Fiat Uno e chamaram pela vítima.

Dia 26 – Marisa Müller, de 61 anos, foi vítima da “pegadinha” do balde de água. Ela se deslocava pela rua Ramiro Barcelos, em direção ao Rio Caí, quando um veículo Golf parou próximo dela. Um senhor já de idade, permaneceu no veículo, duas mulheres desceram e uma delas jogou a água do balde em Marisa.

Dia 28 – O jovem Cleiton Specht, de 23 anos, morreu em um acidente com sua motocicleta, na ERS-124, em Harmonia. Ele se deslocava no sentido Caí/Harmonia quando, próximo ao antigo Salão Harmonia, ocorreu a colisão frontal de sua motocicleta com um GM/Ônix. Com o impacto, a moto partiu ao meio e o jovem faleceu no local.

Foto: Facebook

Abril
Dia 2 – Um homem de 55 anos matou a ex-companheira, de 36, e posteriormente atirou contra a própria cabeça. O feminicídio seguido de suicídio ocorreu na rua Santa Clara, no bairro Bosques, em Capela de Santana.

Dia 4 – Dieiki Teixeira Arnt, 30, faleceu vítima de acidente. Ele dirigia um Fiat Uno, com placas de Taquari, quando colidiu com uma camionete. A colisão foi na altura do km 18 da RSC-287, em Muda Boi, Montenegro.

Dia 19 – Jean Peterson Martins Quincozes, de 22 anos, foi assassinado na frente de um bar, na localidade da Ponte Seca, em Triunfo. Pelo menos 10 disparos de arma de fogo foram efetuados contra a vítima. A linha de investigação da Polícia em relação ao homicídio é a disputa pelo território para tráfico de drogas.

Dia 26 – Adriana Dias de 29 anos foi assassinada de forma violenta por seu companheiro Anderson de Abreu Rocha Vidal, de 26 anos. Um dos quatro filhos da vítima, uma menina de seis anos, passou o dia esperando a mãe despertar, sem perceber que ela estava morta. O casal havia se mudado para a cidade há 15 dias. O suspeito estava em prisão domiciliar desde julho de 2019. Ele foi preso em São Leopoldo.

Maio
Dia 7 – Um jovem de 18 anos, condutor de uma motocicleta Honda CG/150 Fan, morreu o quilômetro 436,5 da BR-386 em Nova Santa Rita. A motocicleta colidiu lateralmente contra um caminhão.A PRF não informou a identidade.

Dia 13 – Um homem de 30 anos foi acusado de tentar matar sua ex-companheira. A vítima foi atingida por tiros de espingarda artesanal. A prisão pela tentativa de feminicídio ocorreu no bairro Santo Antônio, em Montenegro.

Dia 16 – Um homem de 36 anos, morreu no começo da madrugada, no quilômetro 31 da ERS-124, logo depois do bairro Germano Henke, em Montenegro. Um desnível na pista é apontado como possível causa do acidente que vitimou o homem.

Dia 17 – Jean Carlos Bilham, de 30 anos, foi assassinado com golpes efetuados com uma faca de churrasco, por Carlos Rafael da Silva de Mello, 28. O fato ocorreu durante a madrugada, durante uma briga generalizada na rua Artidor Rodrigues da Costa, no bairro Cinco de Maio, em Montenegro.

Foto: Facebook

Dia 19 – José Carlos Fagundes, de 72 anos, morreu após ser atropelado na Estrada Geral de Santos Reis, interior de Montenegro. Zé, como era chamado pelos amigos, foi atropelado por um veículo Gol placas IBQ 1006, de Montenegro, ao atravessar a via pública.

Dia 31 – A Polícia Rodoviária Federal salvou um bebê que estava asfixiando. O salvamento ocorreu no quilômetro 389 da BR 386, em Tabaí, quando os pais da criança foram ao posto da polícia em busca de socorro. Numa ação rápida, um dos policiais realizou a manobra de desobstrução, chamada de Manobra de Heimlich, e, em alguns instantes, a criança voltou a respirar.

Junho
Dia 1º – Acidente envolvendo três veículos causou uma morte na RSC-287, próximo ao bairro Senai, em Montenegro. A colisão envolveu um caminhão de Tupandi, um Fiat Mobi da Cerâmica Kaspary, com placas de Portão, e um Ford Ka, emplacado em Montenegro. A vítima estava no Fiat.

Dia 5 – Uma colisão frontal no quilômetro 7 da ERS-411, em Costa da Serra, interior de Montenegro, tirou a vida de Romeo Emílio Bauer, de 51 anos. Ele era ex-prefeito do município de Brochier. Era por volta das 16h30 quando o motociclista se deslocava na direção Montenegro/Brochier e invadiu a pista contrária, batendo de frente com um caminhão.

Dia 5 – Um jovem de 19 anos foi morto próximo ao quilômetro 12 da ERS-122, no bairro Angico em São Sebastião do Caí. A vítima sofreu múltiplos ferimentos por arma de fogo. O jovem foi levado ao Hospital Sagrada Família, mas acabou falecendo. O nome do jovem não foi divulgado.

Dia 5 – Diego de Ávila, de 31 anos, morreu vítima de choque elétrico, ao cometer furto de fios de energia, na localidade de Pesqueiro, interior de Montenegro. Segundo a Polícia Civil, ele estaria cortando fios em uma antiga pedreira, e chegou a ser socorrido por um amigo.

Dia 14 – Matheus Alves, 24 anos, morador de Bom Princípio, e Carlos Klein, também de 24 anos, morador do Caí, se envolveram em um acidente no Km 19 da ERS-122, no bairro Rio Branco, no Caí. Matheus faleceu na hora. Carlos foi socorrido, mas não resistiu.

Dia 16 – André Corleto Bueno ,de 37 anos, natural de Palmares do Sul, morreu em um acidente de trânsito no quilômetro 40 da ERS-124, próximo ao Posto Polo Sul, em Montenegro. Segundo testemunhas, o condutor do caminhão Mercedes – Bens, placa IQW 6220 de Triunfo, perdeu o controle da direção e bateu contra eucaliptos ao realizar uma manobra para desviar de outros veículos.

Dia 21 – Cadela foi resgatada pelos Bombeiros após cinco dias isolada. O agricultor João Alves da Silva, 63 anos, morador de Sanga Funda, em Montenegro, ouviu os latidos da cadela enquanto cortava mato. Os ganidos se repetiram nos dias seguintes. Na sexta-feira, dia 19, com a ajuda de um amigo, João se empenhou em achar a origem dos latidos, mas não obteve sucesso. No sábado, dia 20, finalmente, ele descobriu que os sons vinham do meio de uma rocha em um paredão, num local de difícil acesso. O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 17h daquele dia, mas por já estar escurecendo, o resgate ficou para o domingo, dia 21.

Julho
Dia 6 – Márcia Beatriz Bastos, a ‘Bia’ como é conhecida em Montenegro, teve sua casa atingida por um incêndio. Graças a atuação dos Bombeiros Militares, mais de 30 cães que eram abrigados no numeral 85 da rua Ponta Negra, no bairro Centenário, foram resgatados com vida.

Foto: Arquivo Jornal Ibiá

Dia 9 – O Pelotão Ambiental da Brigada Militar de Montenegro (Patram) participou de uma ação de salvamento de animais na enchente do Rio Caí. Um dos animais salvos foi o cão comunitário batizado de Capitão.

Dia 10 – O Corpo de Bombeiros de Montenegro recebeu o repasse de uma carreta Mercedes Benz LS 1934, com capacidade para 27 mil litros de água. A carreta cedida a corporação de Montenegro pertence ao Estado.

Dia 15 – Olavo Andara de Oliveira, de 65 anos, foi vítima de um atropelado na noite do dia 14, quando se deslocava no quilômetro 412 da BR-386, em Montenegro. O homem estava indo receber o pagamento por um trabalho realizado. Orlandinho, como era conhecido, morava há 10 anos na localidade da Vendinha, local onde também trabalhava.

Dia 18 – Tiago Souza, de 29 anos, morreu atropelado no quilômetro 16, da RSC-287, nas proximidades da localidade de Muda Boi, em Montenegro. Tiago foi atingido por um automóvel Corsa.

Dia 23 – Vídeo flagrou condutor de saveiro transportando um cão amarrado na traseira do automóvel. O cão batizado de Chico, em alusão a São Francisco de Assis, protetor dos animais, foi socorrido por voluntários e ganhou um lar temporário. O motorista foi indiciado por Maus-Tratos.

Agosto
Dia 2 – Brian Lourenço, de 27 anos, foi encontrado sem vida, pela Polícia Civil de Capela de Santana, com cortes pelo corpo, principalmente na altura do pescoço. O cadáver foi encontrado em uma valeta, no bairro Imigrantes, na madrugada de 31 julho.

Dia 3 – Quatro cães foram vítimas de envenenamento na Estrada Selma Wallauer, no bairro Faxinal, em Montenegro. A cadela, de dois anos, e os três filhotes, de pouco mais de dois meses de vida, tinham espuma na boca, um indício de que tenham ingerido algum tipo de veneno.

Foto: arq. pes. do dono do animal

Dia 14 – Rogério Giovani de Oliveira, de 38 anos, conhecido como Zé Lula, foi assassinado na localidade de Baixadão, em Coxilha Velha, Triunfo. Os assassinos chegaram ao local em um veículo preto que, logo após o assassinato, foi encontrado carbonizado. Os indivíduos invadiram a residência da família e dispararam mais de 20 vezes contra a vítima. Em 2016, Zé Lula tinha passado por uma tentativa de homicídio. Ele possuía passagem pela polícia.

Dia 20 – A Brigada Militar de Montenegro localizou e prendeu um suspeito que tinha escondido 53 pedras de crack na meia. O fato ocorreu na rua Próspero Mottin, no bairro Ferroviário.

Dia 24 – Um homem , de 25 anos, acusado de violência doméstica foi encontrado armado em um motel em Montenegro. O sujeito é acusado de ter praticado os crimes violência doméstica, sequestro e cárcere privado, contra sua ex-companheira, de 24 anos. O caso começou em Canoas, cidade onde a vítima passou a morar desde a separação, e teve desfecho no município do Vale do Caí.

Dia 30 – Durante a vigia sobre a rede externa da Penitenciária Modulada de Montenegro, policiais militares da guarda apreenderam duas bolas de futebol contendo porções de cocaína pesando 115,60 gramas, crack pesando 110,70 gramas e maconha pesando 566,90 gramas, além de três telefones celulares, dois carregadores de celular, três fones de ouvido e 21 chips de celular.

Setembro
Dia 2 – Um prestador de serviços foi flagrado tentando levar celulares e maconha escondidos em fundos falsos de suas caixas de ferramentas para a Penitenciária Modulada de Montenegro. Durante a revista dos materiais, agentes penitenciários encontraram 18 celulares, 20 chips, e 60 resistências de energia elétrica.

Dia 3 – O representante comercial Edevaldo Tonatto, de 52 anos, morreu baleado ao reagir a assalto na Feliz. Edevaldo era vendedor de joias. Quando foi anunciado o assalto, ele partiu para o enfrentamento corporal com os ladrões, quando acabou baleado na altura do tórax e pescoço. O Samu fez o encaminhamento do paciente ao Hospital Schlatter, mas o homem não resistiu aos ferimentos. Da pasta com as amostras de joias do trabalhador foi levada somente uma aliança.

Dia 4 – Durante a madrugada, a Brigada Militar prendeu cinco pessoas envolvidas no latrocínio do dia 3, na cidade de Feliz. Foram aproximadamente 15 horas de cerco até o encerramento com sucesso das buscas. Ao todo, foram seis presos acusados de participação do crime, sendo um deles encontrado ainda no dia do crime, em Presidente Lucena.

Dia 8 – André Gomes Pinheiro, de 25 anos, faleceu após sua moto Honda/CG 150 sofrer uma saída de pista. O acidente ocorreu, na altura do km 253 da BR-470, divisa de Salvador do Sul com São Pedro da Serra.

Dia 14 – Gregório Tur, de 75 anos, morreu ao ser atropelado por um caminhão, na ERS-124, no trecho entre o bairro Estação e o Aeroclube quando ambos seguiam no sentido Montenegro/ Triunfo. A vítima era morador do bairro Estação e fazia o trajeto, quase diariamente, para buscar almoço.

Dia 19 – Bandidos invadiram a secretaria e o salão paroquial, da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, no bairro Timbaúva em Montenegro, de onde levaram R$6 mil, fruto da arrecadação do dízimo, a caminhonete Picape, do padre Luciano Royer, de 51 anos, um celular e uma televisão. O crime ocorreu entre a noite do dia 17 e a madrugada do dia 18. O veículo foi recuperado.

Dia 22 – Cassiel Gass do Bonfim, de quatro anos, morreu em Montenegro no anoitecer do dia 21, após ter sido atropelado na ERS-124. O menino foi socorrido, pela própria mãe, Débora Cristina Cardoso, de 23 anos, que o levou até o Hospital Montenegro, mas não sobreviveu. A tragédia ocorreu no quilômetro 17 da rodovia, próximo da Estação de Tratamento de Água da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan)

Foto: Facebook

Dia 27 – A bebê Isabele Lohanne Sarmento Rodrigues, de oito meses, faleceu em acidente na na ERS-287, em Montenegro, quando seus pais Karen Andris Sarmento, 24 anos, e Gustavo Rodrigues, 24 , e o padrinho Sérgio Henrique Rodrigues Inácio, de 22, voltavam do batizado da criança, em Triunfo. Horas depois do acidente, Sérgio Henrique também morreu.

Outubro
Dia 2 – A Guarda Municipal (GM) de Montenegro recebeu uma caminhonete Mitsubishi L200 Triton GL 2.4 D 4X4 MT. que custou R$ 165.820,00 e foi comprada com recursos próprios do município. O carro é destinado ao serviço de patrulhamento aos prédios municipais e dá suporte ao Conselho Tutelar e também em atividades da Defesa Civil.

Dia 2 – A Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI) Santo Antônio foi arrombada durante a madrugada, a quarta invasão registrada no local desde o início do segundo semestre.

Dia 9 – Elvis Gabriel Rosa de Campos e Lucas Rodrigues de Campos foram condenados a 14 anos de prisão, em regime fechado, pelo crime de homicídio duplamente qualificado. Os irmãos são acusados pelo assassinato de César Augusto Martins Moura, de 27 anos, ocorrido no dia 4 de novembro de 2018.

Dia 9 – Uma menina de 13 anos passou por momentos de pavor durante um assalto à sua residência . O fato ocorreu na rua Alagoas no bairro Santa Rita, em Montenegro. A garota se escondeu no banheiro e, por telefone, pediu socorro para sua mãe. A mulher chegou em casa quando os ladrões estavam prontos para fugir. Ninguém se feriu.

Dia 10 – O taxista Marcelino Andre da Silveira foi vítima de latrocínio – roubo seguido de morte. O corpo foi encontrado na localidade de Alfama, em Montenegro. O carro dele foi localizado horas antes, no bairro Santo Antônio, com marcas de sangue.

Foto: Facebook

Dia 14 – Polícia Civil prendeu o suspeito pelo latrocínio do taxistas Marcelino Andre da Silveira. O homem tem 27 anos também responde por uma tentativa de latrocínio de um motorista de aplicativo, ocorrida em maio de 2019.

Dia 15 – Ricardo da Silva Barbosa morreu atropelado na BR-470, em Montenegro. O acidente ocorreu na altura do km 282, próximo à Capela Nossa Senhora Aparecida, da comunidade de Faxinal. Natural de Novo Hamburgo, Ricardo morava em Montenegro e se deslocava a pé para o trabalho, quando foi atropelado por um Ford Ka, com placas de Campo Bom, que trafegava no sentido São Pedro da Serra/Montenegro.

Dia 15 – Populares encontraram um cadáver jogado na vegetação junto ao Morro São João, na rua Dr. Bruno de Andrade – poucos metros depois da 1ª Delegacia de Polícia Civil. O corpo foi identificado como Jesse Dorli Stacke, de 27 anos, e não apresentava sinais de violência.

Dia 19 – Anderson André Botelho Cardoso, 34 anos, prestava serviço de segurança privada quando foi alvejado por disparos de arma de fogo. O crime ocorreu por volta das 21h do dia 18, na Avenida Luiz Barreto, no Centro de Triunfo.

Dia 26 – O comandante dos Bombeiros de MontenegroGlaiton Contreira, de 52 anos, foi encontrado morto em Sapiranga. Ele apresentava um corte profundo na altura do pescoço. Yago Rudinei da Silva Machado, de 25 anos, enteado de Contreira foi preso preventivamente e confessou a autoria do crime por motivação financeira.

Dia 28 – Willian Borgmann, de 21 anos , faleceu quando o veículo que dirigia, um Renault Kangoo, com placas de Brochier, colidiu com um caminhão Ford Cargo. O acidente ocorreu no quilômetro 14 da ERS-411.

Novembro
Dia 9 – Ledamaris da Silva Contreira – viúva do 1º tenente Glaiton Silva Contreira, de 52 anos – foi presa preventivamente. A mulher é acusada de ser a mentora do crime que vitimou seu companheiro. Ela teria caído em contradição ao prestar depoimento, relatando acontecimentos do dia do crime.

Foto: ARQUIVO Jornal Ibia

Dia 10 – A Brigada Militar de Montenegro evitou que uma grande quantidade de drogas fosse arremessada para dentro do pátio da Penitenciária Modulada de Montenegro. Os policiais interceptaram um automóvel suspeito e nele uma mangueira “recheada” com entorpecentes. O fato ocorreu na Estrada Marcírio Souza Carpes, na localidade do Pesqueiro.

Dia 16 – O caiense Lucas Mateus Bach, de 20 anos, foi encontrado morto na localidade de Santa Clara Baixa, no município de Carlos Barbosa. O rapaz tinha antecedentes criminais e já foi testemunha em ocorrência de tráfico de drogas, o que leva a Polícia Civil a levantar a hipótese de o homicídio ter sido um “acerto de contas”.

Dia 20 – O Ministério Público do Rio Grande do Sul (MPRS), através das promotoras de Justiça Rafaela Hias Moreira Huergo e Daniela Tavares da Silva Tobaldini, denunciou os proprietários da escola particular de Educação Infantil Jeito de Mãe, por expor a perigo as vidas e a saúde de cinco crianças, por volta de um ano de idade.  O MP também ingressou com ação civil pública contra a escola e os dois proprietários criminalmente.

Dia 21 – Paulo Roberto de Oliveira, 63, foi assassinado com golpe de faca na cabeça. O crime ocorreu no bairro Industrial, em Montenegro, por um homem de 37 anos. O autor do crime foi preso ao tentar fugir em um caiaque pelas águas do Rio Caí.

Dia 21 – José Ilário Heckler, de 58 anos, matou a companheira Zilá Goetze, de 55, e logo após tirou a própria vida com um disparo na cabeça. O casal estava em fase de separação e o marido fazia tratamento para depressão. A tragédia ocorreu na localidade de Vendinha.

Dia 23 – João Barbosa, 67 anos, morador do bairro Germano Henke, em Montenegro faleceu após sofrer um grave acidente de moto. A colisão ocorreu próximo ao acesso da Avenida Júlio Renner, a Via II. Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o condutor de uma VW Saveiro envolvida no acidente trafegava na rodovia quando foi obstruído pela motocicleta.

Dezembro

Dia 14 – Darcilei Roberto Manske, 42, foi morto em uma briga generalizada ocorrida num bar, na localidade de Porto Batista. A vítima chegou a ser levada ao hospital, mas não resistiu.

Dia 16 – Maria Odete da Costa, de 73 anos, moradora de Montenegro, foi vítima de um atropelamento no quilômetro 16 da ERS-122, na localidade de Rio Branco, em São Sebastião do Caí. O fato ocorreu por volta das 4h. A família da idosa não entende como ela foi para no local da tragédia, nem o que estaria fazendo no Caí.

Dia 18 – Polícia Civil e Brigada Militar deflagraram a Operação Ovo da serpente. Cerca de 100 policiais e mais de 30 viaturas, helicóptero e duas guarnições com cães farejadores, desarticularam o esquema de tráfico de drogas e ameaças que vinham sendo praticados no bairro Estação em Montenegro. Sete foram presos.

Dia 21 – Jerri Adriano de Oliveira, de 36 anos, foi morto com pelo menos 10 golpes de faca. A companheira dele, Rafaela Rodrigues, de 23 anos, também sofreu tentativa de homicídio, ela foi ferida com seis facadas. O crime ocorreu na localidade de Porto Batista, em Triunfo.

Dia 21 – O professor do Curso de Biologia da Unisinos Héctor Gabriel Nóblega, de 59 anos, morreu vítima de acidente de trânsito registrado por volta das 23h30min, do dia 19, na ERS-124, próximo à localidade de Pesqueiro, em Montenegro. Ele era natural da Argentina, mas residia em Porto Alegre.

Dia 25 – Jandir Rodrigues da Silva morreu vítima de afogamento nas águas do Rio Caí, em Bom Princípio. Ele morava em Novo Hamburgo e passaria o feriado no local com sua família. Esse foi o terceiro afogamento na região em 10 dias.

Deixe seu comentário