Estudantes da EMEI Professora Elisane S.Lutckmeier crescem com a melodia

Com instrumentos feitos de material reciclado e ainda se adaptando ao ritmo, os alunos do Maternal 2, Jardim A e Jardim B da Escola Municipal de Ensino Infantil Elisane Schneiders Lutckmeier acompanham a professora Aparecida Altair Ferreira de Oliveira, que toca violão e também canta, numa aula que os estimula a desenvolver habilidades como coordenação motora e cognição.

Os encontros musicais para crianças de quatro a seis anos, que acontecem às segundas e quartas-feiras, caíram nas graças dos pequenos. Conforme Aparecida, há dias em que ela mal entra pelo portão e já é cercada pelos alunos que a levam até a sala para a aula começar logo. Segundo a diretora Maria Elena Reinehr, as aulas de música iniciaram este ano e surgiram através de um pedido dos próprios professores da escola. Pedido esse que foi prontamente atendido pela Secretaria Municipal de Educação.

“Eu estou encantada com as crianças. Elas são muito receptivas e musicais. A sensibilidade deles é além do comum. As aulas são um aprendizado para mim também”, revela Aparecida. Cida, como é conhecida a professora, ressalta ainda que é a primeira vez que trabalha com essa faixa etária. Para isso, ela precisou criar uma forma de integrar música com educação a fim de desenvolver habilidades motoras, rítmicas, de identificação de sons e também o fomento a valores como a importância da família e os cuidados com a natureza, que são trabalhados através de canções.

Diretora e vice destacam gosto dos alunos pelas aulas de música

Num primeiro momento, o principal contato dos pequenos com a música é através do violão. Porém, Cida pretende introduzir nas aulas instrumentos como flauta e teclado. “Agora também trabalho mais a percussão para desenvolver o ritmo”, conta. Com 18 anos de atuação na rede municipal, a professora também ensina inglês para seus alunos. Inclusive, no Dia das Mães, os pequenos fizeram uma apresentação cantando “Finger Family”.
A docente comenta que a receptividade e animação dos pequenos é tamanha que eles trazem até ela músicas que querem aprender a cantar e tocar.

Ao lado da vice-diretora, Maria Deliria Braga, Maria Elena reforça as palavras de Aparecida e diz que os pais também se mostram entusiasmados com as aulas. Eles relatam às professoras que as crianças comentam com frequência sobre as lições de música em casa.

 

Deixe seu comentário