EMEF Augusto Ambrósio Rücker é a contemplada do programa em Maratá. FotO: Arquivo/Jornal Ibiá

Contemplados pelo programa do governo federal Mais Alfabetização, os municípios de Maratá e São José do Sul buscam voluntários para atuarem como assistentes de alfabetização. Cada uma das cidades possui uma vaga aberta. Ambos os processos seletivos são realizados em etapa única, com avaliação curricular e documental, de caráter eliminatório e classificatório.

Em São José do Sul, termina nesta quarta-feira, dia 9, o prazo de inscrição. Interessados devem levar a documentação exigida no edital até as 17h na Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Desporto e Turismo. O edital completo está na opção Concursos da aba Executivo do site da Prefeitura (www.saojosedosul.rs.gov.br). A instituição beneficiada é a Escola Municipal de Ensino Fundamental João Lerner.

Já em Maratá, a Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Smec) recebe até sexta-feira, dia 11, a apresentação da documentação necessária para os interessados participarem do processo de seleção. Os documentos devem ser entregues na sede da Smec, que abre das 8h ao meio-dia e das 13h às 17h.
O edital está disponível no site da Prefeitura (http://marata.rs.gov.br/), na aba Concursos. A instituição beneficiada pelo programa do Governo Federal em Maratá é a Escola Municipal de Ensino Fundamental Augusto Ambrósio Rücker, localizada na comunidade de São Pedro do Maratá.

Lançado pelo Ministério da Educação em fevereiro deste ano, o Mais Alfabetização busca fortalecer e apoiar as unidades escolares no processo de alfabetização para fins de leitura, escrita e matemática dos estudantes dos 1º e 2º anos do Ensino Fundamental, com a intenção de garantir apoio adicional, no turno regular, com o assistente de alfabetização ao professor alfabetizador, por um período de cinco horas semanais.

Deixe seu comentário