O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de R$ 247 milhões para apoiar o plano de investimento em saneamento básico da Corsan (Companhia Riograndense de Saneamento). O apoio corresponde a 80% do investimento total da autarquia, que é de R$ 308,8 milhões. A possibilidade de expandir a rede de esgotamento sanitário trará benefícios diretos à saúde pública e a qualidade de vida da população gaúcha.

O financiamento permitirá ainda a renovação de medidores de consumo de água e a implantação de sistemas padronizados de telemetria em diversos municípios do Rio Grande do Sul. Está prevista a substituição de mais de 1,1 milhão de hidrômetros antigos ou obsoletos, o que vai reduzir significativamente perdas por submedição e estimular a conscientização da população sobre o uso da água.

Compartilhar

Deixe seu comentário