Evento estava marcado para sexta-feira passada, mas foi transferido devido ao tempo

Domingo, 29, foi o Dia Mundial de Combate ao Acidente Vascular Cerebral (AVC). Ontem, uma equipe do Hospital Montenegro 100% SUS, com apoio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), passou a tarde na Praça Rui Barbosa esclarecendo dúvidas sobre prevenção e fatores de risco do mal, que é uma das maiores causas de morte e incapacidade no mundo.

Desde abril, o HM está atendendo pacientes vítimas de AVC. Presente no evento da praça, o diretor técnico da instituição, Fabrício Fonseca, explicou que o principal intuito da ação foi educar a população. Um material explicativo foi distribuído, apontando, inclusive, algumas técnicas para identificação precoce do Acidente, como pedir para a pessoa sorrir, por exemplo. Quanto antes se notar a ocorrência e for feito um encaminhamento médico, maiores são as chances do paciente melhorar.

Foi feita, ainda, a medição da pressão dos que passavam no local. “As pessoas têm trazido suas experiências próprias, então se vê que o AVC é algo bem presente junto à população”, comentou Fabrício. A secretária municipal de Saúde, Ana Maria Rodrigues, também esteve presente, acompanhando a enfermeira Marlise Maria Klaus, da secretaria, com algumas orientações. “Nós trouxemos nosso grupo de atenção domiciliar, que trabalha diretamente com as sequelas do AVC”, explicou. O evento foi das 14h às 17h.

Compartilhar

Deixe seu comentário