COM os bandidos, foram levados mais de 800 itens da Joalheria Berti. Foto: 27º Batalhão de Polícia Militar

Na tarde dessa sexta-feira, uma quadrilha foi presa em flagrante, acusada de roubar uma joalheria na Rua Marechal Floriano Peixoto, número 942, em Soledade. Os indivíduos estavam em um Peugeot branco 3008, placa JBE 174, de Lajeado, e já eram conhecidos pela polícia por realizar roubos na região, quando invadiram a Joalheria Berti. O 27º Batalhão de Polícia Militar abordou o veículo na ERS-122, próximo ao posto da Polícia Rodoviária Estadual de Bom Princípio, onde prenderam Maicon Medeiros Rosa, de 24 anos, João Pedro da Silva, de 30 anos, Arlei da Silva, 41 e Maicon Ricardo Silva Soares, de 26.

Com eles, foram apreendidas quatro pistolas, um revólver, uma espingarda calibre 12, dois rádios HT e cerca de 800 itens roubados, entre jóias, relógios, fivelas para cinto e óculos de sol. Além disso, foram localizados dois celulares e R$ 1.133,00 em dinheiro, mais sete bombas para chimarrão.
Durante a abordagem, o quarteto confessou ter roubado a loja. Eles foram encaminhados à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Bom Princípio para exame médico e depois conduzidos à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) de Montenegro. Em seguida, o grupo foi transferido para o sistema prisional.

O que foi apreendido

Pulseiras, correntes, anéis, alianças, pingentes, argolas e corações, bombas de chimarrão, fivelas para cintos, brincos, piercings, relógios, óculos de sol, balança de precisão, celulares, chip de celular, baterias de telefone, potes de vidro, bonés, jaquetas, moletons, folhas de cheque, facas artesanais, capas de colete, carregador de pistola, quatro munições, 45 balas calibre 12, 5 balas calibre 38, 194 munições de 9 mm.

Deixe seu comentário