Instalação foi confirmada em visita dos proprietários, Mark e Aldo, ao prefeito municipal Kadu Müller. foto: Prefeitura de Montenegro/Divulgação

Progresso. Novo empreendimento, que atua na gestão de contêineres, já alugou uma área e planeja adquirir lote no parque empresarial montenegrino

Empresas da região que negociam com o mercado externo terão em breve um novo parceiro no Vale do Caí. É que a CTIL Logística anunciou, na última semana, que abrirá uma unidade no município, onde primeiramente alugou uma área e, posteriormente, vai adquirir um lote no Distrito Industrial local. “Com a chegada da CTIL deve aumentar o escoamento de produtos até Rio Grande por meio do terminal Santa Clara. Acho que Montenegro inicia 2018 com uma notícia bem positiva. A gente tem a proposta de fomentar a geração de negócios naquele local. Temos isso como prioridade”, salientou o secretário da Indústria, Comércio e Turismo, Elias Silva da Rosa.

A instalação da prestadora de serviço foi confirmada em visita dos empresários Mark Woodhead e Aldo Fernandes ao Palácio Rio Branco, no último dia 5. Ao lado do chefe de gabinete, Edar Borges Machado, e do secretário Elias da Rosa, o prefeito de Montenegro, Carlos Eduardo Müller, o Kadu, enfatizou a chegada de mais um empreendimento ao município e reforçou que a Administração Municipal “apoia o breve início das operações”.

Segundo Kadu, “a vinda da CTIL é resultado do trabalho de captação de novas empresas para o município, através da Secretaria Municipal de Indústria, Comércio e Turismo, e está alinhada com os propósitos da Administração Municipal em fomentar o desenvolvimento industrial e a cadeia produtiva da região”.

Até o momento não foi divulgado o valor do investimento nem o número de empregos diretos que o novo negócio irá gerar. Conforme a Administração Municipal, a CTIL Logística é especializada na gestão e operação da cadeia logística de containers e cargas e deve iniciar suas operações aqui “nos primeiros meses do ano”. A empresa foi criada em 1922 e mantém bases em Porto Alegre, Rio Grande e Itajaí, Santa Catarina.

Secretário Elias destaca o ganho logístico também para empresas exportadoras do Vale do Caí. foto: Arquivo/Jornal Ibiá

Incentivo terá de ser aprovado pelos vereadores depois do recesso parlamentar
Em entrevista ao Jornal Ibiá, o titular da Secretaria da Indústria, Comércio e Turismo disse que não apenas Montenegro ganha com a vinda do novo prestador de serviço, mas também toda a comunidade empresarial da região, já que se trata de um operador logístico. “Todos que trabalham com exportação dependem de contêineres. Neste sentido, a CTIL está ali para auxiliar o escoamento de produtos. Ela é uma importante empresa da área de logística, que atua em Santa Catarina, em Itajaí, e em Rio Grande, no Rio Grande do Sul. Ela nos procurou com interesse de vir para Montenegro e agora vem somar bastante”, destacou Elias Silva da Rosa.

De acordo com o secretário, o Município ainda não concedeu incentivos para a instalação da empresa, mas um projeto de lei neste sentido já está em elaboração. A expectativa é de que ele será analisado pela Câmara de Vereadores assim que encerrar o recesso parlamentar. A proposta é uma redução da alíquota do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN). “Estamos muito felizes de conseguir trazê-los para Montenegro e colocá-los próximo ao distrito industrial”, ressaltou o secretário.

Deixe seu comentário