Não é a primeira vez que a Câmara chama a RGE para discutir problemas com a distribuição de energia

Em março, a Câmara de Vereadores havia se reunido com representantes da RGE Sul – distribuidora de energia do município – para cobrar posicionamentos em relação a alguns déficits na prestação do serviço, principalmente em relação à instalação de postes. Nessa semana, uma nova reunião com a empresa ocorreu. O Chefe de Elétrica da Prefeitura também estava presente.

Proposto pelo vereador Cristiano Braatz (MDB), o encontro teve como foco principal um loteamento na localidade de Rua Nova. Conforme Braatz, moradores da localidade sofrem com a falta de iluminação. Existem os postes, mas faltam as luminárias. No escuro, a preocupação com a segurança é grande.

Consultor da RGE, Thiago Pedroso de Oliveira assegurou que a concessionária vem acompanhando o caso da localidade, tendo, inclusive solicitado a disponibilização de uma equipe da Prefeitura que auxilie no levantamento das ruas e dos postes que precisam de correções.

Como o loteamento é relativamente novo, alguns trechos ainda não são atendidos pela rede e precisam de sua extensão, com a colocação de postes. Esta etapa, Thiago explicou, necessita que a Prefeitura envie uma lista de providências à empresa para oficializar a necessidade de aumento da rede. Com croqui da área e diversas informações prévias, o consultor apontou, essa lista foi encaminhada já há alguns dias. A RGE, por sua vez, tem até 40 dias para retornar com a aprovação do projeto de realização das adequações.

Vereadora sugere ronda para localizar pontos sem luz
A vereadora Josi Paz (PSB), durante a reunião, sugeriu ao Chefe de Elétrica da Prefeitura, Anderson Vargas, que a Prefeitura realize rondas pelo interior e os bairros. A iniciativa visaria localizar pontos onde a iluminação pública esteja prejudicada para que se encontrem soluções. Josi já havia registrado um pedido oficial para que isso ocorresse.

Também foi discutido – por iniciativa do vereador Erico Velten – alguns trechos da RSC-287 que não têm luz. Para os casos, Prefeitura e RGE prometeram verificações.

Deixe seu comentário