Moradores da rua Porto Belo, no bairro Centenário, sofrem com os constantes alagamentos de pátios e residências foto: assessoria de comunicação da Câmara de Vereadores

Solução. Reunião debateu alternativas para terminar com constantes alagamento na rua Porto Belo, no Centenário

O Vereador Cristiano Von Rosenthal Braatz (PMDB) promoveu reunião na Câmara sobre problemas na rua Porto Belo, no Bairro Centenário. Os moradores sofrem com os constantes alagamentos nas suas residências devido à estrutura da rede de esgotos. “Que necessita de urgentes melhorias e aumento da vazão”, aponta o vereador. A corretora de imóveis Andriéle Aline Pereira relatou o problema de um casal que adquiriu uma residência na rua, a qual alagou no final do ano. “Eles nem chegaram a se mudar, ainda”, conta. Ricardo Endres, secretario municipal de Viação e Serviços Urbanos, declarou que a única solução seria desmanchar o que já há em cima.

Paulo Roberto da Silva, um dos moradores, afirmou que passou por situações complicadas e que o problema precisa ser resolvido. Relatou ainda que a água desce tanto de cima quanto das laterais para uma quadra da rua. “Minha casa está na parte mais baixa. Passa uma rede de esgoto por dentro do terreno na divisa do meu pátio, segue por baixo das outras casas dos fundos e cai na rua Tramandaí”, explica. Ele diz ainda que o encanamento é estreito e não dá vazão. Quando chove muito forte ou há algum entupimento não há vazão e a água não desce para a parte mais baixa, indo para cima da calçada e entrando nas casas na rua Porto Belo. Paulo, um dos primeiros moradores do local, diz também que no momento em que a rua começou a ser ocupada não havia problemas, esses surgiram quando se iniciaram as construções nos fundos.

A corretora Andriéle também disse que sabe que a situação da rua é complicada, pois os encanamentos passam nos fundos das casas e o trecho onde os moradores estão localizados é o mais baixo, sendo que muitos já edificaram ali. Ela sugere que, ao menos nos pontos em que ainda não existem casas, haja a colocação de canos, para amenizar o problema dos alagamentos.

Em reunião, Ricardo Endres afirmou que há solução, mas precisará da colaboração dos moradores

Endres diz que há apenas uma solução
Segundo Ricardo Endres, secretario municipal de Viação e Serviços Urbanos, as casas não poderiam ter sido construídas ali, pois toda a rede passa pelos fundos dos pátios, a parte mais baixa. O secretário garantiu que o problema tem solução, mas que precisaria haver colaboração dos proprietários, no sentido de que deixem a secretaria desmanchar o que há em cima. “Outro jeito não tem”, afirma. A medida não vai solucionar, apenas serviria para que possa ser aumentada a vazão. “Vou ordenar que vocês sejam procurados, esta semana ainda, a fim de se fazer um levantamento onde é a rede, para pedirem as autorizações”, garante.

Deixe seu comentário