Tiago se prepara para o maior desafio da sua carreira. Fotos: arquivo pessoal Tiago Jantsch

Superação. Tiago Jantsch garantiu classificação no Challenge Florianópolis

Principal destaque do triathlon na região, Tiago Jantsch, 29 anos, recebeu uma grande notícia nesse início de ano. Devido à sua performance no Challenge Florianópolis, em dezembro passado, o triatleta nascido em Brochier garantiu uma vaga no The Championship 2018, o Campeonato Mundial de Triathlon, que acontece no dia 3 de junho, na Eslováquia.

A confirmação da classificação de Tiago veio somente nos últimos dias. No entanto, o brochiense obteve a conquista ainda em 2017, com o tempo de 4h45min31s feito no Challenge Florianópolis. Além dele, outros cinco competidores da sua faixa etária (25-29 anos) garantiram classificação para o The Championship. “Fiz o trajeto em cinco minutos a menos do que fiz em Miami, em 2015. Mesmo após a lesão, consegui evoluir.”

Além de muito treinamento, uma boa dose de superação foi necessária para o triatleta concluir o percurso nesse tempo e conquistar a vaga no The Championship, já que uma lesão sofrida na metade do ano passado o impossibilitou de treinar por quase três meses. A fratura no quinto metatarso do pé direito aconteceu justamente durante um treino, mas não desanimou o destaque de Brochier.

O esforço de Tiago foi recompensado em dezembro, com o grande desempenho na prova de Santa Catarina. Garantido no Mundial, o triatleta de 29 anos agora se prepara para o maior desafio da sua carreira e busca patrocínios para ajudar nas despesas. “Preciso conseguir um patrocínio para ir, pois é caro. Se conseguir a inscrição paga já me salva. Custa 300 euros”, frisa.

A trajetória do triatleta da região é marcada pela superação. Até os 20 anos de idade, Tiago pesava mais de 100 kg e não praticava esportes, mas resolveu dar um novo rumo para sua vida, venceu a balança e agora vai em busca do título mundial de triathlon. “Poder ter a chance de chegar em um Mundial de Triathlon é algo maravilhoso. Para quem na adolescência era uma pessoa obesa, com mais de 100 quilos, conseguir esta vaga após tantas lesões e uma briga contra a balança, é algo que palavras não descrevem”, enaltece.

O ponto de partida do brochiense no triathlon se deu aos 23 anos de idade. Mas o processo para Tiago se tornar um triatleta de alto nível iniciou três anos antes. “Tive 100 quilos até os 20 anos, foi quando criei vergonha na cara, fiz dieta e treinamento. Muita força de vontade. Engordei na adolescência devido ao sedentarismo. Perdi 26 quilos”, afirma.

Preparação para o The Championship já é intensa

Triatleta de Brochier garantiu vaga no Mundial com o grande desempenho no Challenge Florianópolis

A menos de quatro meses do maior desafio da sua carreira, Tiago Jantsch se prepara diariamente para competir de igual para igual com triatletas de todos os cantos do mundo. Treinando sete dias por semana, duas vezes ao dia, o brochiense de 29 anos quer chegar ao The Championship em seu ápice físico e técnico.

Antes do Mundial, porém, Tiago terá um grande teste, também na Europa. Em maio, ele vai a Portugal participar de uma prova semelhante ao Challenge Florianópolis, que também dá vaga ao The Championship e é disputada por competidores de muitos países. “A ideia era ir a Portugal para ganhar vaga, mas ela veio antes. Já falei com meu treinador sobre a preparação. Vou competir em Portugal e já ficarei na Europa para o Mundial na Eslováquia”, salienta.

Há seis anos no triathlon, Tiago não se vê em sua melhor fase na carreira e descarta “relaxar” na prova de Portugal, tendo em vista que o Mundial é o grande objetivo do brochiense. “Fisicamente ainda estou melhorando, pois tive a fratura em 2017, mas não paro de treinar. Claro que não [ir mais leve para Portugal]. É sangue no olho. Terei três semanas para recuperar, é bastante tempo. O teste precisa ser no mesmo nível da prova do The Championship”, enfatiza.

Na Eslováquia, o destaque do triathlon na região terá pela frente 300 metros de natação, 15 km de ciclismo e 3 km de corrida. Ansioso desde já pela disputa do Mundial, Tiago garante que não vai a passeio para a Europa. “É a maior prova que posso participar, é o ápice. Mundial é novidade, mas vou dar o meu melhor. São os melhores triatletas de cada país”, completa.

Deixe seu comentário