Imunização é focada em grupos com idosos, crianças, gestantes e outros. foto: Divulgação/SES

Imunização. Municípios terão ações especiais para atender a grupo de risco

É neste sábado, 12, o Dia D da campanha de vacinação contra a gripe. Assim, todos os municípios se preparam para atender a população em horários e locais diferenciados. Confira na tabela onde irá ocorrer a imunização em Pareci Novo, Brochier, São José do Sul e Maratá. Segundo a Secretaria Estadual da Saúde, 3,6 milhões de gaúchos fazem parte do público-alvo. São pessoas que têm mais chances de desenvolver quadros graves de gripe Influenza. A meta é imunizar pelo menos 90% dessas pessoas. A campanha de vacinação segue até o dia 1º de junho.

Fazem parte do grupo alvo da vacinação idosos com 60 anos ou mais, criança de seis meses até menores de cinco anos, gestantes, mães até 45 dias após o parto, trabalhadores da área da Saúde, povos indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 que estejam cumprindo medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional e professores das escolas públicas e privadas.

A gripe é uma infecção viral aguda do sistema respiratório, de elevada transmissibilidade e distribuição global. Existem três tipos: A, B e C. O tipo A está sempre envolvido nas epidemias por sua alta capacidade de mutação. A transmissão direta, ou seja, de pessoa a pessoa, é a mais comum e ocorre por meio de gotículas do indivíduo contaminado ao falar, espirrar ou tossir. A incubação da doença é de um a quatro dias e a transmissibilidade ocorre, principalmente, entre as primeiras 24 até 72 horas da doença. As manifestações clínicas são de início abrupto, com febre, tosse seca, dor de garganta, mialgia, dor de cabeça e prostração, caracterizando um quadro de Síndrome Gripal (SG) que pode ser causada por diferentes agentes etiológicos.

 

Deixe seu comentário