Os produtores do Rio Grande do Sul semearam até o momento 282.088 hectares de arroz ou 26,16% do total previsto de 1.078.279ha para a safra 2017/2018. O levantamento foi produzido pela Seção de Política Setorial do Instituto do Rio Grande do Sul (Irga), com base nos dados colhidos junto aos produtores pelo Departamento de Assistência Técnica e Extensão Rural (Dater) e os Núcleos de Assistência Técnica e Extensão Rural (Nates).

A região mais adiantada até o momento é a Fronteira Oeste, com 48,74% de área plantada, seguida pelas regionais da Zona Sul, com 31,1%; Planície Costeira Interna, 18,63%; Campanha, com 15,98%; Central, 8,3%; e Planície Costeira Externa, com 6,12%.

De acordo com o coordenador regional da Planície Costeira Externa do Irga, engenheiro agrônomo Vagner Martini dos Santos, para o arroz pré-germinado o clima não interfere, mas esse tipo de cultivo representa apenas em torno de 10% da área total destinada. Desde o início do mês a janela de abertura (clima favorável para o plantio) foi muito apertada.

“Os produtores estão atentos às condições climáticas, com os equipamentos prontos para retomar a semeadura do grão. A previsão é de que o tempo firme, ocasionando uma janela maior para semear. Nessas condições favoráveis, o plantio pode chegar à metade até dia 15 de novembro e cerca de 80% até o fim de novembro. Caso o tempo não permaneça seco, a perspectiva é de que o plantio não passe de 40% até o dia 15”, acrescenta Vagner dos Santos.

A tabela completa com a evolução da semeadura do arroz no estado está disponível no site do Irga (clique aqui para acessar).

Compartilhar

Deixe seu comentário