Parque está recebendo uma série de esculturas em pedra grés feitas pelo artista Carlos Rodrigo de Azevedo

Executivo planeja realizar próxima edição da Citrusflor no local, que também deve receber Centro de Convivência

Continuam as mudanças no Parque Municipal Júlio José Colling, localizado às margens da ERS-124. Desde o começo da gestão 2017-2020, o espaço tem recebido investimentos. O plano do Executivo é realizar a próxima edição da Citrusflor, marcada para o ano que vem, no local. Até o momento, já foram investidos aproximadamente R$ 56 mil na infraestrutura do parque. O valor refere-se a roçadas, limpeza, colocação de bancos, esculturas de pedra, brita, encanamento e outros materiais.

Roçadas frequentes ajudam a manter o espaço limpo e organizado para receber os visitantes

Investimentos maiores são projetados pela Administração Municipal. Um convênio para a perfuração de um poço artesiano já está firmado entre Município e Estado. Além disso, o Executivo investirá em torno de R$ 12 mil em canos que farão a ligação da rede de água e revestimento do poço. Melhorias na rede elétrica também são planejadas. O projeto mais ambicioso é a instalação de um Centro de Convivência Múltipla, para o qual o Município espera o empenho de recursos.

“O projeto, no valor de R$ 250 mil, foi cadastrado ainda em abril. Assim, o próximo passo é o empenho do recurso, que fica a cargo do Governo Federal. Estamos ansiosos pela confirmação do empenho”, afirma a secretária de Planejamento de Pareci Novo, Ilsandra Fell. “Ainda foram assegurados ao Município outros R$ 200 mil para esta obra. Estamos aguardando a liberação do sistema para realizar mais este cadastro de projeto”, complementa o prefeito Oregino José Francisco.

O Centro de Convivência Múltipla servirá como um espaço onde poderão ser desenvolvidos programas e projetos de prevenção de risco e assistência básica para pessoas em situação de risco ou vulnerabilidade social. Ele poderá receber atividades como oficinas de artesanato, aula de ginástica, hora do conto, aula de música, reuniões e terapias de grupo e outras. O Executivo busca, com esse projeto, promover a melhoria da qualidade de vida da população, com ações focadas no atendimento das necessidades básicas dos que vivem em condição de vulnerabilidade social.

O desejo da Administração Municipal é de que o Parque Municipal Júlio José Colling seja referência no Vale do Caí. O espaço possui uma ampla área de lazer com churrasqueiras e pista para caminhada. Além disso, o parque está sendo ornamentado com esculturas do artista local Carlos Rodrigo de Azevedo. Num projeto ambicioso, ele contará, por meio de sua arte, a evolução das espécies desde a pré-história até a chegada dos primeiros imigrantes ao Vale do Caí.

Deixe seu comentário