FOTO: Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo

Um prédio de 26 andares no centro da capital paulista, onde viviam 50 famílias, desabou em chamas por volta das 3h da madrugada de hoje (1º), após ter sido atingido por um incêndio. O edifício, que ficava na Avenida Rio Branco, na região do Largo do Paissandu, era ocupado por um movimento social de defesa ao direito a moradia.

O fogo teve início no começo da madrugada. Ele teria iniciado no quinto andar da edificação. O Corpo de Bombeiros confirmou à Agência Brasil que, até o momento, uma pessoa morreu. Segundo informações, ela era uma morador que estava sendo resgatado do fogo por um cabo, quando ocorreu o desabamento. Não há informações oficiais sobre o número de desaparecidos.

Uma faixa da avenida Rio Branco foi tomada pelos escombros do edifício que desabou.Um segundo prédio, próximo a esse, também foi atingido pelo incêndio. O edifício, no entanto, estava vazio e as chamas estão restritas a um único andar. Cerca de 160 membros do Corpo de Bombeiros atendem a ocorrência. A origem do fogo ainda não foi confirmada.

Deixe seu comentário