REAJUSTE foi de 8,9%. Em Montenegro, distribuidoras já têm novo valor

Petrobras anunciou novo reajuste no valor do botijão de 13 kg. Em média, este aumento deve passar de R$ 3,00

Donas de casa e cozinheiras já podem preparar a carteira. Começa a vigorar, a partir de hoje, o reajuste de 8,9% para o preço do botijão do gás de cozinha, GLP P-13. O anúncio foi feito pela Petrobras. A majoração é motivada, principalmente, pela alta das cotações do produto nos mercados internacionais, segundo nota divulgada pela estatal. No entanto, ainda não se tem definido qual será o preço do botijão entregue pelas distribuidoras.

Neste sentido, a Petrobras informa que o reflexo no preço final ao consumidor vai depender de repasses feitos especialmente por distribuidoras e revendedores. O aumento não se aplica ao preço do gás destinado a uso industrial e comercial.

O último reajuste feito pela Petrobras aos preços cobrados das distribuidoras ocorreu há cerca de um mês. Desde junho, foram anunciados seis aumentos e uma redução no preço do gás de cozinha. O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo (Sindigás) informa que o reajuste oscilará entre 7,3% e 9,9%, de acordo com o polo de suprimento.

O valor médio do botijão para o consumidor saltou de R$ 50,00 na primeira semana de janeiro para R$ 80,00 na semana encerrada em 2 de dezembro.

Consumidores da região vão sentir aumento

CAUÊ Vargas, gerente da Kary Gás

Embora seja, de certa forma, cedo ainda para projetar o valor final do botijão, levando em conta o reajuste desta semana, algumas distribuidoras de Montenegro já têm uma noção do que pode acontecer. Na Kary Gás, por exemplo, segundo o gerente Cauê Vargas, a administração vai aguardar o estoque se esgotar, enquanto entrega o produto por R$ 81,00. Quando uma nova compra for efetuada pela empresa, então o valor terá o aumento necessário. “Mas eu acredito que serão R$ 3,00 ou R$ 4,00 por botijão”, aposta Vargas.

Na Liquigás, porém, o preço do botijão já aumentou. Segundo a funcionária Marli Brito, o preço subiu de R$ 80,00 para R$ 83,00.

Deixe seu comentário