A Polícia Civil fechou cerco em uma casa na Travessa da Capitão Cruz,Centro, hoje pela manhã, como parte da operação que descobriu a obra de um túnel em Porto Alegre, em fevereiro deste ano. O canal estava sendo construído em direção à Cadeia Pública da capital, para a fuga de criminosos. Uma mulher, residente da Travessa, foi levada para prestar depoimento. Ela supostamente é filha de um dos criminosos que estaria planejando a fuga pelo canal.  O acusado teria uma pena que contabiliza mais de 100 anos de cárcere. Informações completas logo mais.

Deixe seu comentário