Justiça Eleitoral reitera que não se comunica por mensagem eletrônica. Foto: Internet

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio Grande do Sul lançou nesta quinta-feira, dia 5, alerta a respeito de e-mails falsos em nome da Justiça Eleitoral. As mensagens trazem uma suposta convocação do eleitor para trabalhar como mesário em outubro, informando ainda uma senha falsa para acessar documentos privados que, todavia, contêm links maliciosos, os quais podem conter vírus de computador.

Também circulam e-mails falsos informando ao internauta que uma suposta ausência dele como mesário teria gerado o cancelamento de seu Título de Eleitor. A mensagem pode ainda solicitar que atualize seus dados cadastrais junto a Justiça Eleitoral. Essas também contêm vírus invasores que roubam dados pessoas, como senhas bancárias.

O Tribunal voltou a ressaltamos que não envia e-mails a eleitores, salvo se expressamente autorizado pelo cidadão em formulário registrado no cartório. Da mesma forma, o TRE não autoriza nenhuma outra instituição a contatar em seu nome.

Deixe seu comentário