(Foto: Polícia Civil)

A Polícia Civil desencadeou, na manhã desta quinta-feira, dia 17, em Maratá, a operação Precaução, na qual foram cumpridos três mandados de busca. A ação teve como objetivo confirmar denúncia sobre indivíduos estarem realizando disparos de arma de fogo em via pública, em razão de desavenças pessoais.

Foram apreendidas cinco armas, sendo um revólver calibre 38 com numeração raspada, duas espingardas calibre 28, duas espingardas calibre 36, além de vasto material para recarga. Um homem de 53 anos, sem a identidade revelada, foi preso em flagrante por posse ilegal de arma de fogo, pois foram encontradas na casa dele o revólver e uma das espingardas. Além dele, mais dois indivíduos foram identificados e responderão pelo crime de posse irregular de arma.

A operação foi desenvolvida pela Polícia Civil de Brochier, com apoio de integrantes da 1ª Delegacia de Polícia Regional do Interior (DPI). A coordenação foi do titular da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), Eduardo Azeredo Coutinho.

Deixe seu comentário