Delegado Zucco diz que adolescentes confessaram o crime

Ao contrário do que se imaginava, o incêndio que consumiu a residência onde estava Rosilei Hanauer e duas crianças, na localidade de Divisa, no interior de Capela de Santana, não foi a causa da morte das três. De acordo com o titular da Delegacia de Polícia de Capela de Santana, Rodrigo Zucco, o caso trata-se de um triplo latrocínio. Dois adolescentes de 17 anos foram detidos e serão encaminhados para o Poder Judiciário. Ambos confessaram o crime. Eles relataram serem usuários de drogas que invadiram a casa em busca de eletrônicos. Os nomes dos acusados não foram divulgados.

Em entrevista ao Ibiá nesta tarde, Zucco disse que os dois menores de idade invadiram a residência e surpreenderam Rosilei, estrangulando-a. Na sequência, os dois adolescentes de 17 anos teriam asfixiado as duas crianças que também estavam na residência. Para encobrir os assassinatos, os dois teriam comprado gasolina e incendiado a residência.

O incêndio que consumiu quase que completamente a residência ocorreu por volta das 00h30min desta segunda-feira. Acionado, o Corpo de Bombeiros de Portão controlou as chamas, porém foi apenas na manhã de hoje que os três corpos carbonizados foram encontrados.

Deixe seu comentário