alunos-soldados, que ingressarão na Brigada Militar após curso e estágio na EsFes Montenegro, reforçam Operação Avante neste feriadão

Patrono da Polícia. Comunidade é presenteada com ação reforçada no feriado de Tiradentes, o patrono das PM’s

A operação Avante Tiradentes teve início nesta quinta-feira e segue até o sábado pela manhã, dia 22. A solenidade de lançamento foi realizada em frente à Câmara de Vereadores. O objetivo da ofensiva é identificar veículos e pessoas durante blitze que vão ocorrer nas principais vias de Montenegro. Dois pelotões de alunos-soldados da Brigada Militar vão participar das abordagens junto aos brigadianos do policiamento ostensivo, segundo o tenente-coronel Marcos Vinícius Souza Dutra. “Tiradentes é o patrono das polícias Civil e Militar, por isso essa operação ocorre em nível nacional. Para nós não vai ser feriado. Até mesmo o pessoal do setor administrativo vai atuar conosco no policiamento ostensivo”, afirma.

Tenente-coronel Dutra diz que o objetivo da operação é identificar carros e pessoas

As patrulhas preventivas serão reforçadas também em São Sebastião do Caí, onde há uma sede da Brigada Militar. A Polícia Ambiental e o Corpo de Bombeiros também participam com seus efetivos da operação Avante Tiradentes.

A Polícia Rodoviária Estadual também vai aumentar a atenção durante o feriadão. Serão realizadas barreiras com testes de bafômetro e uso de radar móvel em todas as rodovias estaduais. No Vale do Caí haverá atenção redobrada nos trechos considerados mais críticos, como na ERS-122, em Bom Princípio e Portão, assim como na ERS-240, no bairro Scharlau, em São Leopoldo.

Paralelamente, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) já intensificou a fiscalização na BR-470 e na BR-386. Segundo a assessoria de imprensa da corporação, até a meia-noite de domingo haverá um número maior de horas de utilização do radar nos trechos de maior índice de acidentalidade.

O maior fluxo deve ocorrer no sentido capital-interior entre quinta-feira e sexta-feira. E no sentido interior-capital no domingo, dia 23.

Viagem Segura de Tiradentes mobilizada
Polícia Rodoviária Federal, Brigada Militar e Comando Rodoviário da BM estão mobilizadas para a 72ª edição da Viagem Segura. A operação de Tiradentes, que se estende por quatro dias, encerra à meia-noite de domingo.

Analisando os acidentes de 2007 a 2016, o Detran identificou que Tiradentes tem uma média de 6,6 vítimas fatais/dia. Isso é pouco mais que a média geral dos 15 feriados e datas comemorativas em que é realizada a operação (6,5 mortes/dia). No ano passado foram 31 mortes em cinco dias de operação, considerando as pessoas que entraram em óbito até 30 dias pós-acidente.

Somente as rodovias federais 116, 392 e 285 respondem por 28% das mortes ocorridas no período. A análise identifica informações que permitem o uso mais eficaz dos efetivos de policiamento e fiscalização de trânsito, bem como ações educativas preventivas, além de atenção também contra o tráfico.

Sobre a operação
A Viagem Segura, que completou cinco anos de atividades no último feriado de 15 de novembro, tem como parceiros as polícias e o Detran/RS. Também colaboram ANTT, DNIT, Cetran/RS, DAER, EGR, Famurs, Setcergs, SindiCRD, Metroplan, órgãos de trânsito municipais e Lions Clube. Nas 71 edições já realizadas, mais de 4,8 milhões de veículos foram fiscalizados.

Deixe seu comentário