Foto: Victor Fernando

Na tarde dessa terça-feira, 10, surgiram alguns questionamentos nas redes sociais a respeito de pessoas pedindo dinheiro em nome da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Montenegro. Os relatos davam conta de uma mulher estaria batendo de porta em porta e se identificando como sendo da instituição e solicitando doação para a Apae.

A redação do Ibiá entrou em contato com a diretora da escola, Naia Sehn. Segundo ela, nenhuma pessoa está autorizada a realizar esse tipo de pedido. “Toda a ação que a Apae fizer será através de um ofício assinado pelo presidente da instituição ou através de ligação pessoal da direção”, explica.

Ainda de acordo com Naia, quem receber essas pessoas não deve dar dinheiro. “Se tiver alguma dúvida, pode ligar para os telefones 3632-1015 ou 3632-6006 que nós esclarecemos”. Quem se sentir lesado pode, ainda, procurar a DPPA para registrar a ocorrência. (AK)

Deixe seu comentário