Recebo uma mensagem com a foto de um pôster colado na parede de uma escola, dizendo assim:
Atenção senhores pais e mães! O ano letivo iniciou e é sempre bom lembrar que…
É em casa que as crianças devem aprender:
01 – Bom dia,
02 – Boa tarde,
03 – Por favor,
04 – Com licença,
05 – Desculpe,
06 – Muito obrigado!
E é em casa que também se aprende a:
01 – Ser honesto,
02 – Ser pontual,
03 – Não xingar,
04 – Ser solidário,
05 – Respeitar os alunos,
06 – Respeitar os mais velhos,
07 – Respeitar os professores principalmente!
Também em casa é que se aprende:
01 – A não falar de boca cheia,
02 – A ser limpo,
03 – A não jogar lixo no chão.
Ainda em casa é que se aprende:
01 – A ser organizado,
02 – A cuidar das suas coisas,
03 – E a não mexer nas coisas dos outros
Porque na escola os professores ensinam:
Matemática, Português, História, Geografia, Inglês, Ciências e Educação Física. E reforçam o que o aluno aprendeu em casa.

Que tal? Óbvio, não? Mas sabe o que me chamou a atenção? O cartaz é dirigido aos senhores pais e mães, e não aos estudantes. No fundo, me lembrou aqueles avisos que a gente vê no banheiro: dê a descarga, não urine fora do vaso, lave as mãos depois de usar o banheiro. Ou então aqueles outros: não buzine na frente do hospital, não pare em fila dupla, não fure farol vermelho, respeite a faixa de pedestres…
Existe uma frase que chegou para mim como sendo de Napoleão Bonaparte, mas não tenho certeza, da qual gosto muito: “A educação de um filho deve começar 20 anos antes dele nascer”.
Preocupados demais com a educação de nossos filhos, esquecemos a dos pais…

Luciano Pires
Palestrante e jornalista

Deixe seu comentário