A república dos rufiões

No ano de 552, dois monges bizantinos retornaram da China para Constantinopla com seus cajados ocos, dentro dos...

Sons, cheiros e gostos do passado

A infância é um grande povoado de sons, cheiros e gostos. Sons, cheiros e gostos que marcaram nossa...

Por una cabeza

Antoine de Lavoisier, químico francês, aquele do “nada se cria, nada se perde, tudo se transforma”, perdeu a...

O velho

“Hoje não deram almoço, né? Acho que o moço até nem me lavou. Quase que já não me lembro...

Muito… prazer!

Nos tempos de antigamente, as drogas não tinham todo este tom pejorativo que os tempos modernos lhes dão....

Os acordes do diabo

Foi o músico João Rosa quem me falou que a Igreja, na Idade Média, tinha proibido certos acordes...

Uma história inverossímil

Avô e neto assistem ao Jornal Nacional. O menino, com as mãos cruzadas sobre o colo. O avô,...

A flor de ir embora

“Flor de ir embora é flor que se alimenta do que a gente chora e lá vou eu, e...

Os símbolos de uma era

Napoleão, o pequeno carniceiro francês, poupou da destruição a cidade de Göttingen, na Alemanha, porque Carl Friedrich Gauss,...

Fórmula da felicidade

O ser humano sempre gostou de fórmulas. Fórmula é síntese e, em matemática, uma fórmula sempre leva a...

Todo mundo está só, preso à sua jaula!

“All the lonely people / Where do they all come from? All the lonely people / Where do they...

Palavras da salvação

Os grandes temas da humanidade, os grandes debates, não estão gastos. Vira e mexe, caímos neles, os mesmos...

Últimas notícias

Cadernos

Maio é mês de alerta contra o câncer de boca

Você já deve ter ouvido falar do Outubro Rosa ou do Novembro Azul, campanhas de conscientização contra o...
  • Entrar / Cadastrar