Jeep Compass se manteve na liderança dos SUVs, segmento que atrai cada vez mais compradores. Foto: Arquivo/Jornal Ibiá

A palavra crise está cada vez mais longe das indústrias e das concessionárias de veículos. Levantamento divulgado pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) no dia 7 indica que o setor registrou crescimento pelo 18º mês seguido e, além disso, a produção em abril cresceu 40,4% em relação ao mesmo mês do ano passado. As vendas acompanham esse momento bem acima da média: no mês passado, 217,3 mil unidades foram licenciadas — número que representa um salto de 38,5% antes os 156,9 mil emplacamentos de abril de 2017. No acumulado deste ano, as 762,9 mil unidades representam aumento de 21,3% na comparação com o período de janeiro a abril de 2017.

Para Antonio Megale, presidente da Anfavea, os sinais positivos da economia influenciam o desempenho geral da indústria automotiva. “Os resultados comprovam que a indústria segue acelerando o ritmo, com desempenho melhor a cada mês. Isso é consequência de um cenário macroeconômico favorável, que eleva a confiança de consumidores e investidores. Alguns fatos confirmam esta aceleração, como o aumento do nível de emprego do setor e as vendas do segmento de caminhões, diretamente ligadas à atividade econômica do País”, analisa.

O ranking da Anfavea mostra que o título de carro mais vendido do País continua com o Chevrolet Onix (16.617 unidades emplacadas no mês de abril), seguido do HB20 (9.606), Ford Ka (8.764), Prisma (6.636) e Renault Kwid (6.616). No segmento dos SUVs, que não para de crescer no Brasil, a liderança segue com o Jeep Compass (4.606), o Jeep Renegade (4.462) e Hyundai Creta (3.785).

Ao projetar os próximos meses, Megale é um otimista bastante discreto. De um lado, as vendas serão parcialmente recuperadas, mas a indústria segue abaixo da capacidade instalada. “Deveremos chegar a pouco mais de 3 milhões de veículos produzidos em 2018. É um número interessante, mas a ociosidade ainda é elevada. temos capacidade de fazer mais de 4,5 milhões de veículos/ano. Precisamos vender mais no mercado interno e exportar mais para ocupar as fábricas”, calcula o presidente da Anfavea.

Os mais vendidos de abril
— Chevrolet Onix – 16.617
— Hyundai HB20 – 9.606
— Ford Ka – 8.764
— Chevrolet Prisma – 6.635
— Renault Kwid – 6.616
— Fiat Strada – 6.357

Deixe seu comentário