Fiat reduziu preços do Uno, mas a versão Attractive voltou a empregar o ultrapassado motor Fire Evo 1.0, que desenvolve 75 cv de potência. Foto: Fiat/Divulgação

Ao apresentar a linha 2019 do Uno e do Mobi, a Fiat mostrou um novo posicionamento para o primeiro modelo — ainda muito tradicional no mercado nacional, mas agora em apenas duas versões (a boa motorização 1.3 Firefly foi deixada de lado) — e, para o segundo, fez uma revisão na tabela, que deixou três versões mais baratas e duas, mais caras. Em comunicado à imprensa, a montadora afirma que o intuito é atender variados nichos de mercado: “As mudanças permitem agradar a vários perfis de clientes: os que buscam um carro mais acessível, racional e econômico; aqueles não abrem mão do ar-condicionado sem fazer questão de outros conteúdos; e, ainda, quem deseja um acabamento mais diferenciado. A linha 2019 do Mobi e do Uno tem novidades para atender a todos estes clientes”.

Entre as novidades da família Mobi 2019 está a série especial Way Extreme, que custa R$ 42,7 mil. Foto: Fiat/Divulgação

No caso do Uno, as versões Way e Sporting saíram de linha, assim como as opções com câmbio automatizado. A versão de entrada, Attractive, ficou com preço mais competitivo, sendo vendida a R$ 40 mil, mas voltou com um motor que havia sido cortado da família: o 1.0 Fire de quatro cilindros, que gera 75 cv de potência. De série, o carro vem com ar-condicionado, direção hidráulica, sinalização de frenagem de emergência, faróis com máscara negra, volante com regulagem de altura e vidros elétricos nas portas da frente.

Outra opção é o Uno Drive 1.0, que custa R$ 42.990,00, mas é equipado com o Firefly de três cilindros, que gasta menos combustível, gera 77 cv e tem desempenho mais esperto. A versão 2019 traz como novidade os retrovisores externos com piscas integrados e capa pintada da cor do veículo, assim como as maçanetas das portas. Outra facilidade do Drive é a direção elétrica com função City, que suaviza o peso do volante em manobras.

O compacto da montadora italiana pode ficar ainda mais recheado de itens, caso o cliente esteja disposto a pagar mais por isso. A versão de entrada, por exemplo, permite adicionar dois pacotes opcionais: o Kit Visibilidade, que custa R$ 499,00 e inclui limpador, lavador e desembaçador do vidro traseiro temporizado; e o Pack Connect, que inclui rádio Connect integrado com Bluetooth, função Audio Streaming e entradas USB e auxiliar, mas custa R$ 1.890,00.

Um subcompacto em sete versões
Na linha Mobi, cujos preços partem de R$ 32.590,00 e chegam a R$ 46.990,00, a Fiat apresenta como destaque a série especial Extreme, desenvolvida a partir da versão Way, que tem pegada aventureira e maior altura em relação ao solo. Custa R$ 42.790,00, mas vem com o 1.0 Fire Evo de 75 cv. Tem retrovisor interno com câmera de ré, sensor de estacionamento traseiro, rádio com Bluetooth, entradas USB, auxiliar e SD Card, pré-disposição para som (alto-falantes, tweeter e antena), faróis de neblina, rodas de liga leve de 14 polegadas, limpador, lavador e desembaçador do vidro traseiro. A versão mais cara, porém, é a Drive, que se subdivide entre manual e automática. É somente nesta que a Fiat coloca o moderno motor 1.0 Firefly.

Personalização de acordo com o cliente
Para quem gosta de personalizar seus carros, deixando-os ainda mais equipados, a Mopar oferece uma extensa gama de 43 acessórios para o Mobi e 96 para o Uno. Para ambos, duas novidades: os rádios Mopar Economy e Michigan Mopar. A marca também oferece a opção de combos de acessórios que se complementam e são oferecidos com excelente valor.

A Mopar Vehicle Protection (MVP) ainda oferece, além da assistência 24h, a possibilidade de contratar extensão de garantia e plano de revisão, podendo adicionar o valor às parcelas no financiamento do carro.

conheça as versões
– Mobi Easy: motor Fire Evo 1.0 de quatro cilindros, faróis com máscara negra, sinalização de frenagem de emergência, quadro de instrumentos com iluminação LED e display digital de 3,5 polegadas. Não tem ar-condicionado nem direção hidráulica. Como opcional, pode ser equipada com desembaçador ou com o Kit Functional, composto por vidros elétricos dianteiros, pré-disposição para rádio, desembaçador, limpador e lavador do vidro traseiro e travas elétricas nas portas.
– Easy Comfort: acrescenta à primeira ar-condicionado e rodas de aço de 14 polegadas.
– Like: traz de série ar-condicionado, direção hidráulica, vidros elétricos dianteiros, travas elétricas, regulagem de altura do volante e console entre os bancos dianteiros. O cliente pode agregar os pacote de opcionais Kit Connect e Kit Live On, que agora possui uma segunda entrada USB com capacidade de leitura de mídia, ou o novo Kit Comfort, com faróis de neblina, cintos de segurança com regulagem de altura, retrovisores e maçanetas na cor do veículo e comando interno para abertura do porta-malas e do tanque.
– Way: tem caracterização aventureira e maior altura do solo. Essa versão pode ser equipada com os kits Connect e Live On.
– Way Extreme: complementa os conteúdos presentes na versão Way, traz uma caracterização exclusiva e possui retrovisores internos com câmera de ré e sensor de estacionamento traseiro. Com o pacote Extreme, que custa R$ 2.800,00, traz itens como rádio com Bluetooth, entradas USB, auxiliar e SD Card, pré-disposição para som (alto falantes, tweeter e antena), faróis de neblina e rodas de liga leve de 14 polegadas, além de limpador, lavador e desembaçador do vidro traseiro.
– Drive: traz o moderno motor tricilíndrico 1.0 Firefly, com direção elétrica e kit visibilidade de série. Os pacotes disponíveis são os Connect, Live On e Kit Tech.
– Drive GSR: agrega à versão Drive o câmbio automatizado GSR e o quadro de instrumento em TFT de alta resolução de série. Também pode ser equipada com os kits Connect, Live On e Tech.

 

 

 

Deixe seu comentário