O Morro São João é referência em Montenegro, uma de suas belezas naturais que merece mais atenção e cuidado. Pelo que representa ao município e a necessidade de preservação, o local motiva ações de educação ambiental. Na Semana Municipal do Meio Ambiente, se o tempo colaborar, está prevista nova subida ao Morro

A preocupação com o meio ambiente deve ser diária, mas há ocasiões em que as atenções se voltam para a busca de uma sociedade mais sustentável, motivada por ações que visam essa conscientização. O Dia Mundial do Meio é uma dessas datas em que poder público e iniciativa privada promovem atividades para estimular a comunidade a cuidar mais do mundo em que vivemos.

Criado em 1972, durante a Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente Humano, em Estocolmo, a Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu o Dia Mundial do Meio Ambiente, que passou a ser comemorado todo dia 5 de junho. Neste ano, o tema definido pela ONU será a poluição causada pelo plástico. Descartado de forma incorreta, esse material leva séculos para se decompor. Enquanto issocausa danos à natureza e à sociedade em geral.

Nas ruas e terrenos baldios, o lixo entope bueiros, favorecendo alagamentos, um problema bem conhecido dos montenegrinos. Levado aos rios e mares, o plástico é engolido por animais, que o confunde com alimentos, e acabam morrendo. O consumo consciente reduz o uso de plástico e o descarte correto garante o reaproveitamento desse material pela indústria na cadeia da reciclagem.

Em Montenegro, as atividades alusivas ao Dia Mundial do Meio Ambiente iniciam no dia 4 de junho e seguem até o dia 8. Serão cinco dias de atividades envolvendo escolas, secretarias municipais do Meio Ambiente e da Educação, em parceria com as empresas Hexion e Montepel. A abertura oficial será às 10h, na Praça Rui Barbosa, com ações de educação ambiental, descarte correto, distribuição de material informativo sobre a coleta seletiva e apresentação de escolas. O 3º Batalhão de Polícia Ambiental de Montenegro fará uma exposição com animais e materiais que utiliza, e haverá distribuição de mudas e água pela Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan) e Sistema Integrado de Tratamento de Efluentes Líquidos do Polo Petroquímico (Sitel).

Programação da SEmana Municipal do Meio Ambiente
Dia 4 de junho: 10h – abertura na Praça Rui Barbosa, com lançamento do Projeto Educando, Estação Móvel Básica para Descarte de Resíduos Seletivos, Banda da EMEF Adolfo Schuler, participação da Patrulha Mirim Ambiental da EMEF Maria Josepha com distribuição de folders de coleta seletiva; exposição do 3º Batalhão de Polícia Ambiental de Montenegro; participação da empresa Corsan/Sitel com distribuição de mudas e água.
14h – Apresentação da peça “Desaparecimento do Sol” na EMEI Tio Riba
Dia 5 de junho – 8h às 11h30min e 13h30min às 16h30min – Ação de educação ambiental – Trilha Ecológica com Subida no Morro São João
Dia 6 de junho – 8h30min às 12h – Palestras sobre resíduos sólidos na Escola Estadual José Garibaldi; das 13h30min às 16h30min – Visita a ETA da Corsan com palestra sobre os cuidados e a importância da água;
Dia 7 de junho: 8h30min às 16h – Dia do Descarte Correto na Praça Rui Barbosa; distribuição de mudas de árvores nativas.
15h às 16h30min – Atividade com o grupo Maturidade Ativa do Sesc no Parque Centenário
8 de junho: 9h às 11h30min e das 14h às 16h30min – Ação de educação ambiental com apresentação de Teatro do Sesc com a peça “Desaparecimento do Sol”, pela manhã na Emei Santo Antônio e, á tarde, na Emei Adolfo Schüler

Deixe seu comentário